A Confederação Brasileira de Futebol instaurou um comitê de reformas do futebol brasileiro, que visa a dar mais modernidade e transparência à entidade. Integram o grupo presidentes de clubes, atletas e ex-jogadores, como Carlos Alberto Torres e Formiga, dirigentes de federações e da própria CBF.