Gian Oddi

Gian Oddi

Na Inglaterra, brasileiros (quase) só jogam em candidatos ao título. Saiba por que e quem são todos eles

Gian Oddi
Getty
Gabriel Jesus: um dos principais brasileiros da Premier League 2017-18
Gabriel Jesus: um dos principais brasileiros da Premier League 2017-18

Começa nesta sexta-feira a temporada 2017-18 da Premier League, o mais rico e disputado campeonato nacional do planeta.

Quando o assunto é número de brasileiros, porém, o Campeonato Inglês fica bem abaixo de outras ligas da Europa, como Espanha, Itália, Portugal e França. Nesta edição são, por enquanto*, apenas 13 os brasileiros que iniciam a competição (e alguns com poucas perspectivas de jogar).

É compreensível: na Inglaterra, jogadores de fora da comunidade europeia precisam preencher certos pré-requisitos que atestem sua importância ou capacidade (como passagem por seleções, por exemplo) para poder jogar a liga nacional. São, portanto, jogadores mais caros.

Estes critérios técnicos nem sempre são seguidos com rigor, pois existe um comitê para avaliar caso a caso a intenção de contratação de estrangeiros dos clubes britânicos. Assim, muitas vezes acabam por ser subjetivas as razões que dão “aval” para contratações de estrangeiros no país.

De qualquer forma, o método funciona. Tanto é que os brasileiros estão quase que exclusivamente nos times mais ricos, os candidatos ao título (a exceção é o modesto Watford, do goleiro Gomes e do recém-contratado atacante Richarlison, ex-Fluminense).

Das 20 equipes que disputam a competição, nada menos que 15 delas não contam com brasileiro algum. São elas: Arsenal, Bornemouth, Brighton, Burnley, Crystal Palace, Everton, Huddersfield, Leicester, Newcastle, Southampton, Stoke City, Swansea, Tottenham, West Bromwich e West Ham.

Os cinco quatro times que têm brasileiros, além do já citado Watford, são todos gigantes, com ambições grandes no campeonato. Veja como estão distribuídos os 16 brasileiros* do Campeonato Inglês entre estas equipes, que têm o Chelsea e o City como times que mais apostam em jogadores nascidos por aqui:

ARSENAL
Gabriel Paulista (zagueiro) 

CHELSEA
David Luiz (zagueiro), Willian (meia), Wallace (lateral), Nathan (meia), Kenedy (meia)

LIVERPOOL
Phillipe Coutinho (meia), Roberto Firmino (atacante), Allan (meia)

MANCHESTER CITY
Ederson (goleiro), Danilo (lateral), Fernandinho (volante), Gabriel Jesus (atacante)

MANCHESTER UNITED
Andreas Pereira (meia)

WATFORD
Gomes (goleiro), Richarlison (atacante)  

* Até o dia 31 de agosto, quando fecha o mercado europeu, mudanças podem e devem ocorrer (Coutinho pode sair, Kenedy deve ser emprestado...). O blog será atualizado conforme o andamento dos negócios.