Gustavo Hofman

Gustavo Hofman

PSG, Brasil... Uma bela história de amor

Gustavo Hofman

PSG
Raí e Ronaldinho se tornaram ídolos da equipe parisiense
Raí e Ronaldinho se tornaram ídolos da equipe parisiense

A loja do Paris Saint-Germain na avenida Champs-Élysées já ostentava na quarta-feira, em sua faixada, a nova campanha de marketing do clube. "Play Paris" é o slogan, e logo abaixo o texto destacava a histórica ligação com o Brasil.

Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Lucas são os brasileiros do time atual, fora Thiago Motta, nascido em São Bernardo do Campo e naturalizado italiano. Neymar será o próximo representante.


Trata-se de uma belíssima parceria. Em 47 anos, o PSG já contou com 32 jogadores brasileiros em seus elencos.

A memória recente destaca Raí. Depois de brilhar pelo São Paulo, se transferiu para o PSG em 1993 e ficou cinco anos na capital francesa. Virou ídolo, conquistou uma Recopa europeia, um Campeonato Francês e duas Copas da França, além de enorme carinho da torcica parisiense.

Isso já depois da chegada de Valdo. O talentoso meia da Seleção Brasileira na década de 1990 encantava os franceses desde 91.

A sequência de meias brasileiros prosseguiu com Leonardo na temporada 1996-97, mas tudo mudou radicalmente com Ronaldinho Gaúcho. O futuro melhor do mundo hipnotizou Paris com seus dribles e se tornou a estrela maior da Cidade Luz. Tudo isso em apenas duas temporadas entre 2001 e 2003.

PSG
Leonardo foi meia e depois dirigente do PSG
Leonardo foi meia e depois dirigente do PSG

Só que alguns, antes de todos esses, pavimentaram a estrada transoceânica: Abel Braga foi jogador do PSG de 1979 a 81; Joel, tricampeão mundial com a Seleção, esteve na temporada 1971-1972; Geraldão passou por lá no início dos anos 1990; e Ricardo Gomes colocou seu nome na história do clube com toda classe apresentada entre 1991 e 95.

O volume, porém, aumentou mesmo depois do sucesso dos meias clássicos, que abriram as portas de Paris para o futebol brasileiro. 

Adaílton, Alex, Alex Dias, Aloísio Chulapa, André Luiz, Ceará, César, Christian, Edmilson, Éverton Santos, Nenê, Paulo César, Reinaldo, Souza, Vampeta, até os recém saídos do clube, David Luiz e Maxwell.

PSG
Nenê era a estrela do PSG antes da chegada dos investidores catarianos
Nenê era a estrela do PSG antes da chegada dos investidores catarianos

Neymar tem qualidade para superar todos, inclusive Raí e Ronaldinho. Faz com que o patamar do time mude e sabe que vai carregar nas costas a pressão por ser o jogador mais caro da história.

Neymar chega para ganhar a Champions League e ser o melhor jogador da história do Paris Saint-Germain.