Paulo Vinícius Coelho

Paulo Vinícius Coelho

Se vencer o Flu, Cruzeiro será o campeão do primeiro turno com maior vantagem para o segundo colocado

Paulo Vinicius Coelho

O São Paulo jogou bem em Florianópolis contra o Figueirense e empatou. O Internacional mereceu vencer o Palmeiras no sábado à noite, ganhou, mas vinha de duas derrotas e isso alargou a distância do Cruzeiro para o segundo colocado para oito pontos.

Oito léguas de vantagem!

É esse o título da coluna de hoje na Folha de S. Paulo, que retrata a maior distância já alcançada entre o líder e o segundo colocado ao final da primeira metade do Brasileirão. E as razões dessa distância tão larga.

Em todos os tempos nos pontos corridos, a maior diferença ao final do primeiro turno foi em 2007. Sete pontos do São Paulo para o Botafogo. O Cruzeiro pode ainda ampliar a distância para onze pontos se vencer o Fluminense, Inter e São Paulo perderem para Figueirense e Sport. Improvável. Mas é provável terminar com a maior diferença de pontos do primeiro turno.