Formiga

Formiga

Na lama mas feliz

Formiga
XtremeTV/ Canais ESPN
Na lama mas feliz
Na lama mas feliz

2012 ficará marcado para sempre na minha vida, desde o começo desse ano estou focado e me dedicando a aprender o voo a vela, o voo de planador.

Como uma das caracteristicas do meu trabalho no XtremeTV / Canais ESPN sempre foi “não bater nas mesmas teclas”, conhecer novos horizontes e divulgar esportes especiais e incríveis como foi o caso de kitesurf onde em 1999 iniciamos pioneiramente o mapeamento do Brasil para esse esporte onde descobrimos o potencial do nordeste de nosso país.

Hoje, 13 anos depois esse litoral é a meca do turismo mundial para quem curte a pipa, a prancha e o vento.

Depois veio o towin, mais uma vez fomos os pioneiros a absorver o conceito do surf rebocado como foco principal de nossas pautas.

As ondas grandes fora da costa, aqui mesmo no Brasil foram mostradas pela primeira vez no Canal ESPN Brasil.

Mas nós não paramos por aí, alguns anos depois colocamos SUP ou standup paddle surf, a prancha em que se rema em pé, o esporte aquático que hoje mais cresce no mundo, pioneiramente na TV e no foco de nossas lentes.

Hoje é um dia especial pois depois que toda adrenalina baixou consigo processar tanta informacão recebida no dia de ontem.

Para começar o dia um lindo voo com o intrutor, maestro e músico da banda Razes de América, Tadeu Passareli.

Na sequência o meu instructor Giba do Aeroclube de Tatuí, veio voar comigo, logo depois que decolamos ainda nos minutos iniciais do voo a baixa altura sobre a cidade de Tatuí onde a situação é bem crítica por não ter pouso a frente ele desconectou o planador simulando uma pane no reboque sem me avisar.

Meu coração veio na boca, meus olhos concentraram-se no altímetro para ver a altura e analizar em fração de segundo qual seria minha melhor opção para pousar com relativa segurança enquanto minha visão periférica via somente telhados das casas.

Mandei uma curva de 180 graus com velocidade e pousei na pista com o vento de cauda.

Meu coracao batia como se quizesse estourar no peito.

Imediatamente voltamos a cabeceira da pista e quando fomos decolar ele saiu do cockpit e me deu tchauzinho, era hora do meu primeiro voo solo.

Decolei exercitando a mente para baixar a adrenalina e manter a concentração, esquecer de tudo e de todos somente lembrar o que aprendi em todos os 34 voos anteriores.

O voo foi 100% padrão e na hora do pouso pousei quicando como cavalo selvagem.

Não foi um pouso perfeito mas como disse o instructor Reinaldo, se a aeronave dá para decolar novamente foi sim um bom pouso.

Esses esporte exige conhecimento, dedicação, estudo e inteligência.

Caso contrario nem na prova teórica você passa.

No final do dia como manda a tradição do voo a vela o banho mais prazeiroso dos últimos tempos, 

Salve,realizei um antigo sonho de voar de planador. 

Então toma, toma o banho de lama. 

Obrigado Associação Brasileira de Planadores, Ministério dos Esportes e a empresa OI que viabilizaram a bolsa e estudos do Projeto Santos Dumont que tem como objetivo formar novos pilotos de competição no voo a vela.

Agora sigo no aprendizado e me aguardem que nas competições eu estarei chegando.

Bons voos a todos.

XtremeTV/ Canais ESPN
Inesquecível momento da vida
Inesquecível momento da vida