CBDA anuncia novas eleições após ordens da Federação Internacional

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Divulgação - Instagram CBDA
Miguel Cagnoni havia sido eleito presidente da CBDA em junho de 2017
Miguel Cagnoni havia sido eleito presidente da CBDA em junho de 2017

A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) anunciou, por meio de um comunicado oficial emitido em seu site, nesta sexta-feira, que convocará novas eleições depois de receber tal determinação da Federação Internacional de Natação.

O órgão máximo da modalidade ordenou que a entidade brasileira realizasse um novo pleito, em um prazo de 90 dias, após descumprimento das regras referentes às eleições ocorridas em junho deste ano.

Na ocasião, Miguel Cagnoni recebeu 64 votos e foi eleito como novo presidente da agremiação. Entretanto, o pleito não foi reconhecido pela Federação Internacional, já que foi contrário ao estatuto vigente da CBDA, que previa uma Assembleia Geral para votos de clubes e da presidência da comissão de atletas, fato que não ocorreu.

Ainda assim, Cagnoni assumiu o comando da instituição, negando-se a convocar novas eleições até esta sexta-feira, data do lançamento do comunicado oficial.

Confira o comunicado oficial da CBDA:

A CBDA, por meio de seu presidente Miguel Carlos Cagnoni, convocará novas eleições seguindo as orientações da Federação Internacional de Natação (Fina), após a reunião realizada na última quinta-feira (30), na China. O objetivo é harmonizar a representatividade dos poderes da CBDA perante as instituições públicas e privadas de acordo com a Justiça do Brasil e, também, aos organismos internacionais, em especial à Fina.

Poderão participar das eleições, de acordo com o novo estatuto da CBDA aprovado pela Fina: o representante da Comissão Nacional de Atletas, as entidades de prática esportiva que preenchem os requisitos previstos no estatuto da CBDA e todas as Federações estaduais que atendam os requisitos estatutários.

As datas para registro das chapas e para a realização do pleito serão divulgadas em breve.