WhatsApp vira 'prova' em processo de R$ 9 milhões por chuteira 'estragada' de astro do United

ESPN.com.br
John Peters/Man Utd via Getty Images
Fellaini processou sua patrocinadora pessoal por chuteiras defeituosas
Fellaini processou sua patrocinadora pessoal por chuteiras defeituosas

Não é de hoje que Marouane Fellaini é um dos jogadores mais criticados pelos torcedores do Manchester United, mas ele ao menos tem uma explicação para as lesões e as más atuações: suas chuteiras.

De acordo com a imprensa britânica, o volante belga processou no início do mês a New Balance, sua antiga fornecedora de chuteiras, alegando que elas causavam "consideráveis danos" aos seus pés quando as utilizava. 

Ainda segundo a mídia britânica, Fellaini pede 2,1 milhões de libras (R$ 9 milhões) de indenização da marca, que lhe pagava 600 mil libras (R$ 2,58 milhões) por quatro anos, entre 2012 e 2016.

Em mandado judicial, o camisa 27 dos Red Devils afirmou que as chuteiras eram de baixa qualidade e o roupeiro tinha de vaporizá-las e alargá-las antes dos jogos. Dentre outros motivos para o processo estão "perda de emprego", "inconveniência" e "impacto na performance".

Em resposta, a New Balance afirmou que seu antigo cliente já havia dito que as chuteiras eram "perfeitas" e, inclusive, teria pedido mais 12 pares novos.

No entanto, nesta sexta-feira o jornal The Guardian divulgou que mensagens de WhatsApp enviadas pelo belga ao estafe da New Balance que mostram que o belga fez seguidas reclamações sobre as chuteiras enviadas pela marca.

Em agosto de 2016, por exemplo, ele mandou a seguinte mensagem a um representante da empresa que cuidava do assunto: "Tenho um grande problema: (as chuteiras) não são nada confortáveis. Preciso de chuteiras mais compridas e longas". 

Perguntado se temia nunca mais ter voltado a jogar, Ibrahimovic arranca risadas com resposta: 'Leões não se recuperam como os humanos'

Depois, em 30 de setembro de 2016, ele reclamou novamente: "Olá, meu amigo. Joguei hoje à noite, atuei os 90 minutos e agora não consigo andar. Meus dedões estão doendo. 'Chefe', não consigo dormir, estou com muita dor". Na manhã seguinte, ainda mandou outra mensagem: "Tive que ir à pedicure, pois não estava aguentando".

A companhia americana, então, pediu para ele ficar tranquilo: "Nós podemos arrumar isso, meu amigo. Temos 'cachorros grandes' trabalhando nisso neste momento", garantiu o membro do estafe com quem Fellaini conversava.

Em novembro de 2016, porém, o astro do Manchester United respondeu mensagem confirmando que havia recebido novas chuteiras enviadas pela New Balance, mas voltou a reclamar: "Ainda é a mesma coisa... Preciso pedir para o roupeiro alargá-las". 

Premier League: Gols de Manchester United 4 x 1 Newcastle

As conversas, portanto, serão usadas como prova de quem a New Balance não conseguiu resolver o problema do cliente e seguiu enviando produtos problemáticos.

Após romper com a fabricante norte-americana no fim da última temporada, Fellaini acertou contrato com a Nike. Desde então, porém, já chegou a perder seis partidas por conta de lesão.