Vantagem do Corinthians na ponta é a menor desde junho, mas time ainda depende só de si; veja o caminho dos candidatos ao título

ESPN.com.br
Fotos GazetaPress
Jô, Borja, Lucas Lima e Barrios: todos querem o título
Jô, Borja, Lucas Lima e Barrios: todos querem o título

Apenas cinco pontos separam o Corinthians, líder do Campeonato Brasileiro, do Palmeiras, vice-líder, faltando sete rodadas (ou seja, 21 pontos) para a conclusão da temporada. A diferença dos alvinegros para o segundo colocado é a menor desde o final da décima rodada, em junho.


Ao derrotar o Grêmio por 1 a 0, em Porto Alegre, o Corinthians somou 26 pontos contra 22 do time gaúcho. E foi o resultado daquele confronto, em 25 de junho, que fez o time paulistano abrir uma diferença significativa na liderança pela primeira vez neste Brasileiro. 

Explica-se: o Corinthians já liderava o campeonato desde a quinta rodada da competição. Mas até o confronto com o Grêmio, vice-líder desde a quinta rodada, a diferença entre eles era de um simples ponto.

Após o confronto em Porto Alegre, a situação corintiana ficou bem confortável. Na 11ª rodada, o Corinthians aparecia sete pontos à frente do Grêmio. Passou para nove na jornada seguinte e para dez na posterior. O melhor momento foi ao final da vigésima rodada: 11 pontos de distância para o clube gaúcho.

A pontuação, contudo, tem reduzido desde a 27ª rodada do Brasileiro. Era de dez pontos, passou para nove, seis e, agora, cinco. Neste ínterim, outros clubes apareceram na vice-liderança. Casos de Palmeiras e Santos.

A situação atual poderia ser até pior se o Palmeiras tivesse derrotado o Cruzeiro na noite de segunda-feira. Mas apenas empatou por 2 a 2, no Allianz Parque. Reduzindo para os cinco pontos mencionados no início deste texto.

Faltando sete rodadas é difícil descartar alguém da briga pelo título. Mas quem será que levará a melhor no final do torneio.Veja abaixo a tabela de jogos de Corinthians, Palmeiras, Santos e Grêmio caso a caso e tire suas próprias conclusões.

  • 1º Corinthians, 59 pontos


  • 2º Palmeiras, 54 pontos


  • 3º Santos, 53 pontos


  • 4º Grêmio, 51 pontos