Leo Valencia é liberado pelo STJD e pode jogar clássico contra o Vasco

ESPN.com.br com agência Gazeta Press

Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Leo Valencia, jogador do Botafogo
Leo Valencia, jogador do Botafogo

O jovem volante Matheus Fernandes foi advertido com o terceiro cartão amarelo no duelo contra a Chapecoense e não enfrenta o Vasco, neste sábado, no Maracanã, às 19 horas (de Brasília). Por outro lado, o técnico Jair Ventura recebeu uma boa notícia: Leo Valencia foi liberado para jogar, após o STJD conceder efeito suspensivo.

Valencia havia sido suspenso por quatro partidas por ter sido expulso contra o Vitória. O meia, que se reapresentou nesta quinta-feira depois de servir à seleção do seu país nos últimos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas, ainda não tem data para voltar a ser julgado.

Leo Valencia havia sido enquadrado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por “praticar agressão física durante a partida”. O departamento jurídico do Botafogo tentou desqualificar o artigo e entrou com recurso para reduzir a punição, considerada excessiva.

Jair Ventura dedica vitória a Roger e pede apoio total a Vinícius Tanque: 'Tem que dar força; não adianta vaiar o menino'

Para o jogo diante do Vasco, Jair Ventura deve manter Brenner como titular no ataque, mas disse que a torcida  precisa ter mais paciência com Vinicius Tanque. Na entrevista coletiva após a vitória desta quarta-feira sobre a Chapecoense, o treinador lembrou que o jogador foi muito vaiado e deu a resposta ao marcar o gol do triunfo.

Jair explicou que vetou a saída de Tanque para outros clubes porque o conhece desde as categorias de base e acredita muito em seu potencial. E fez uma advertência: “A janela de transferências está fechada. Não vai vir mais ninguém. E vaiar o Vinicius vai ser ruim para ele e muito pior para o Botafogo.”

Em relação ao clássico diante do Vasco, Jair disse que o Botafogo é o líder do returno e vai muito forte para o confronto diante do rival. “Mostramos que a derrota para o Vitória foi uma situação fora da curva. O Botafogo joga para vencer, dentro e fora de casa”, finalizou.