Alex Ferguson descumpriu acerto com Tottenham para assinar com United, diz ex-presidente do clube londrino

Agência EFE

Getty
Posteriormente, Sir Alex Ferguson virou uma lenda em Manchester
Posteriormente, Sir Alex Ferguson virou uma lenda em Manchester

O ex-técnico escocês Sir Alex Ferguson descumpriu um contrato que tinha apalavrado com o Tottenham para treinar a equipe dois anos antes de assumir o comando do Manchester United, segundo revelou nesta quarta-feira Irving Scholar, ex-presidente do clube londrino.

Em 1984, o inglês Keith Burkinshaw deixou o posto nos 'Spurs' após desavenças com a diretoria, embora tenha conquistado uma Copa da Uefa e dois títulos da Copa da Inglaterra nas três temporadas anteriores.

Em entrevista ao jornal britânico The Sun, Scholar declarou que chegou a um acordo com Alex Ferguson para que treinasse a equipe e que houve, inclusive, um aperto de mãos.

No entanto, Ferguson, que tinha ganhado com o Aberdeen duas vezes o Campeonato Escocês, três títulos consecutivos da Copa da Escócia e uma Supercopa Europeia, recuou no acordo.

"A verdade é que estava negociando um acordo com Alex Ferguson. Conversamos bastante e disse a ele que eu era um cara antiquado, alguém para quem o mais importante é cumprir o pactuado após um aperto de mãos. Isso é algo concreto", relatou Scholar. "Uma vez que você faz isso, não há mais marcha à ré. E isso foi a primeira coisa que eu disse a ele quando nos reunimos. Tudo estava fechado, perguntei se ele tinha certeza que estava preparado e ele me respondeu: 'Sim, tenho certeza', e apertamos as mãos. No entanto, como todos sabem, ele não cumpriu o prometido".

Quem é o melhor centroavante da Premier League? Natalie Gedra apresenta os 6 principais nomes

Ferguson nunca chegou a treinar o Tottenham e, antes de assinar em 1986 com o Manchester United, no qual se tornou um dos maiores treinadores de todos os tempos, teve tempo de ganhar mais uma Copa da Escócia, uma Copa da Liga e outro Campeonato Escocês pelo Aberdeen.

Morata? Lukaku? Veja os candidatos a jogador do mês de setembro da Premier League

"Ele nunca me disse por que (rejeitou o acordo com o Tottenham). Tenho as minhas teorias, mas isso não importa agora. Foi uma decepção. Ele ficou mais dois anos no Aberdeen e depois assinou pelo Manchester United", declarou Scholar.