Palmeiras tem 34 jogadores emprestados para outros clubes; veja o que fazem os principais e avalie se deveriam voltar

ESPN.com.br

Felipe Oliveira/EC Bahia
Allione está emprestado ao Bahia, adversário do Palmeiras nesta quinta-feira
Allione está emprestado ao Bahia, adversário do Palmeiras nesta quinta-feira

Para a maioria dos treinadores, um elenco de 34 jogadores seria demasiadamente cheio. Pois isso é o que Palmeiras tem...de jogadores emprestados. De tantas opções, será que algumas delas poderiam ser reaproveitadas no elenco para a temporada 2018?

Destes nomes, somente nove não devem ser aproveitados, uma vez que seus empréstimos se encerram juntamente aos seus vínculos com o clube paulista. São eles os laterais Bruno Oliveira e Léo Cunha, os zagueiros Gabriel Dias e Luiz Gustavo, o volante Amaral, o meia Robinho e os atacantes Alecsandro, Luan e Vinicius.


Quantos aos demais 25 nomes, parte deles já alcançou destaque com a camisa alviverde ou por outro time. Só na zaga são três nomes que se enquadram neste perfil: Leandro Almeida, Thiago Martins e Fernando Tobio.

O último chegou  em 2014 em pacotão argentino, que teve também o técnico Ricardo Gareca, e chegou para ser titular. Ele seguiu atuando regularmente durante o começo da temporada 2015, mas acabou emprestado ao Boca Juniors e, por último, ao Rosario Central.

Leandro Almeida foi contratado no meio de 2015, foi titular em alguns jogos e logo perdeu espaço, tendo ficado no Internacional no segundo semestre do ano passado. Já na atual campanha, foi cedido ao Figueirense.

Thiago Martins foi o que conseguiu maior destaque. Em 2016, ele atuou 31 vezes pelo Palmeiras, sendo 17 jogos na campanha do título brasileiro. Nesta temporada, passou por cirurgia no joelho esquerdo,  perdeu espaço e acabou emprestado em setembro ao Bahia até o fim do ano. O atleta de 22 anos pode ser uma das peças reaproveitadas em futuro próximo.

Já na lateral, há opções conhecidas do futebol brasileiro tanto na direita quanto na esquerda. Para o primeiro lado, o clube ainda conta com Lucas, que chegou sem custos para 2015, ano em que disputou 54 confrontos.

Quanto ao lado canhoto, tão criticado pelos torcedores, Victor Luis surge como um nome com potencial – e tanto – para se firmar no elenco alviverde, sobretudo pela grande temporada que faz no Botafogo. O jogador de 24 anos é titular absoluto e um dos destaques no time que foi até a semifinal da Copa do Brasil e quartas de final da Libertadores.

Rivaldo deu assistência, fez o dele, Muller e Paulo Isidoro também marcaram, e Palmeiras venceu o Bahia em 1995

No meio de campo, há Matheus Sales e Allione, que, ao lado de Thiago Martins, formam o trio cedido ao Bahia, que justamente é o adversário do time paulista nesta quinta-feira. No entanto, eles estão impedidos de atuar. O duelo ocorre no Pacaembu, às 21h (de Brasília), e é válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Enquanto o meia argentino tem atuado regularmente, inclusive na conquista da Copa do Nordeste, o volante até foi titular no mês de julho, mas perdeu espaço desde então.

Quem é mais ídolo do palmeirense, Valdivia ou Gabriel Jesus? 'Linha' analisa e Arnaldo pondera: 'Idolatria é cega'

Por fim, no ataque, aparecem Leandro e Vitinho, entre outras opções. O primeiro teve papel importante na conquista da Série B em 2013, mas não repetiu o sucesso depois de ter sido contratado em definitivo. Acabou cedido a Santos e Coritiba, antes de ser emprestado ao Kashima Antlers, do Japão.

Já o segundo é uma promessa das categorias de base do clube, que pode nem contar mais com ele a partir do meio do ano que vem. Isso porque, o atleta de 19 anos está emprestado ao Barcelona B, que tem a opção de compra ao final do empréstimo.

Nicola analisa decisões de Cuca e vê postura diferente do treinador: 'Está disposto a jogar o jogo da diretoria'