Após atuações de Alex Sandro, Tite confessa ter dúvidas e garante: 'Momento vai determinar'

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Tite fala em 'dilema' dentro da seleção e avalia oportunidades para outros jogadores antes da Copa

Alex Sandro conseguiu aproveitar a oportunidade de substituir Marcelo e Filipe Luís, lesionados, nas duas últimas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo. Após o empate por 0 a 0 com a Bolívia e a vitória por 3 a 0 sobre o Chile, o técnico Tite usou o lateral esquerdo da Juventus como exemplo para assegurar que ainda tem dúvidas na sua relação de convocados para o Mundial da Rússia.

“Não tenho como definir os convocados. Como diz o (Carlo) Ancelotti, uma situação pode mudar por um fio de cabelo, quase um detalhe. Marcelo, Filipe Luís e Alex Sandro… Sendo absolutamente sincero, vou dormir com esse barulho agora”, comentou o comandante do Brasil, sorridente.

Tite agradece torcida do Palmeiras no Allianz: 'Passaram um carinho muito grande para nós'

Alex Sandro só foi chamado para a Seleção Brasileira porque Marcelo se machucou. Depois, foi a vez de Filipe Luís também acusar uma contusão, o que assegurou a Jorge, do Monaco, uma oportunidade no banco de reservas.

Tite, que até então tinha Filipe Luís apontado como uma presença certa na Copa do Mundo (Marcelo é titular absoluto e só ficará fora do torneio em caso de contusão), passou a cogitar a convocação de Alex Sandro. “Eles têm que competir lealmente, cooperando com a equipe, que acompanharemos os jogos. O momento vai determinar”, avisou, negando que o seu reconhecimento ao atleta da Juventus tenha sido em vão. “Não sou de jogar flores. O elogio que não é verdadeiro não traz proveito algum. O nosso trabalho é acompanhar os profissionais com justiça.”

Antero elogia trabalho de Tite e equipe consistente: 'Brasil vai à Copa dando pinta que pode fazer um papel bonito'

Outro jogador que recebeu uma chance de mostrar serviço diante do Chile foi Ederson – o goleiro do Manchester City já seria testado diante da Bolívia se o jogo não fosse disputado na altitude de La Paz, onde ficaria mais propenso a falhas. O terceiro reserva de Alisson, da Roma, é Cássio, do Corinthians.

“Essa posição também não está fechada”, avisou Tite. “O Ederson tem uma reposição de bola que precisa ser estudada. Em uma jogada ensaiada do City, ele deixou o Gabriel Jesus na cara do gol do Chile. Mas temos vários jogadores de alto nível na posição”, ponderou o treinador, que tem contrariado a opinião pública e preterido Vanderlei, do Santos.