Brasil conquista duas medalhas no Karate 1 em Salzburgo

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Getty
Douglas Brose, carateca brasileiro
Douglas Brose, carateca brasileiro

O Brasil terminou muito bem sua participação no Karate 1 Premier League, em Salzburgo. Neste domingo, último dia de competições na cidade austríaca, Douglas Brose – categoria até 60kg – conquistou a prata, e Valéria Kumizaki conseguiu medalha de bronze – categoria até 55kg.

As duas medalhas foram as únicas conquistadas pelo time brasileiro na Europa. Antes disso, o melhor rendimento da delegação nacional havia sido com Vinicius Figueira, que chegou às oitavas de final da categoria até 67 kg, no último sábado.

Nesta tarde, os brasileiros tiveram apresentações muito consistentes e alcançaram campanhas quase perfeitas. Primeiro a subir no pódio, Douglas venceu em sua chave o espanhol Viktor Musienko, depois o grego Leonard Shota, na sequência o belga Michael Dasoul e para fechar o italiano Antonio Vastola, para chegar à semifinal, fase em que derrotou o turco Eray Samdam. Já na decisão, acabou não sendo páreo para o japonês Yugo Kosaki.

“Assim como na Alemanha, conquistei mais uma medalha de prata importante na Liga Mundial. Nessas etapas, é fundamental você estar chegando pelo menos na final para acumular pontos que garantem um bom posicionamento no ranking nacional”, destacou Douglas, líder do ranking nacional.

Com campanha muito parecida com o compatriota medalhista de prata, Valéria Kumizaki só acabou caindo uma fase antes. Em sua chave, ela teve aproveitamento de 100% vencendo a coreana Eun Ahn Tae, a croata Ljilljana Pendic, a alemã Gizem Bugur e a húngara Reka Molnar. Nas semifinais, por muito pouco acabou sendo derrotada por 6 a 5 diante da ucraniana Anzhelika Terluyga, e foi para a disputa do terceiro lugar. Valéria superou a croata Alesandra Hasani por 2 a 1 para assegurar o bronze.