Garota de 13 anos completa manobra 360º sobre cadeira de rodas

ESPN.com.br
Com apenas 13 anos, Lily Rice supera as dificuldades e se torna segunda mulher a completar um backflip em cadeira de rodas

Com 13 anos de idade, a galesa Lily Rice tem surpreendido o mundo do esporte ao ser a nova estrela desta modalidade chamada WCMX. Na última semana, a garota fez história ao se tornar a segunda mulher a completar um backflip na cadeira de rodas.

O WCMX consiste em fazer diferentes manobras mescladas ao BMX, que ao invés de serem realizadas em uma bicicleta, acontecem em uma cadeira de rodas especial.

Durante toda a sua vida, Lily conviveu com uma condição chamada Paraplegia Espástica Familiar, o que faz com que seus músculos fiquem cada vez mais fracos, reduzindo o movimento e coordenação da parte de baixo do seu corpo.

Apaixonada por esportes, ela já representou o País de Gales nas seletivas de natação para as Paraolimpíadas do Rio de Janeiro, no último ano, e agora se arrisca fazendo acrobacias nas pistas de skate do seu país. Dessa maneira, a jovem atleta deixa claro que não está disposta a parar por nada.

“Eu quero mostrar para todos os outros que eu consigo fazer qualquer coisa que eu quiser”, revelou a garota.

Em fevereiro deste ano, Lily ganhou uma cadeira de rodas adaptada para pistas de skate e patins. O presente foi dado pelo campeão mundial da modalidade Aaron "Wheelz" Fotheringham. Desde então, tem ‘arrebentado’ nas pistas de skate, chamando a atenção de todos a sua volta.

“Eu estava com um pouco de medo no começo, mas estava ainda mais animada. Eu não ligava de descer algumas rampas, mas tive um pouco de medo dos ‘quartes’ [pista vertical]. Mas depois que completei uma vez, eu estava bem”, contou a atleta à BBC.

Desta maneira, Lilly procura inspirar garotas da sua idade a se arriscar nas pistas. O seu objetivo principal no momento é arrecadar dinheiro para competir em um campeonato de motocross que acontecerá na Califórnia, no próximo ano.