Leco diz que Dorival aceita ajuda de Muricy e ex-treinador tentará resgatar confiança do elenco

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
GazetaPress
Leco vê treino do time do banco de reservas
Leco vê treino do time do banco de reservas

Muricy Ramalho estará junto ao São Paulo na luta contra o inédito rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Aos jornalistas, o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse que o técnico Dorival Júnior concordou com a ajuda do ex-treinador.


Hoje comentarista do canal SporTV, Muricy será convidado para exercer a função de consultor, sm a necessidade de estar no dia a dia. De acordo com o mandatário, não haverá um contrato assinado nem a criação de um cargo. Será tudo na base da informalidade, como havia sugerido Vinicius Pinotti, diretor de futebol do clube, em entrevista concedida na última terça-feira.

Revelado no clube, jogador campeão brasileiro e treinador tricampeão brasileiro pelo São Paulo entre 2006 e 2008, Muricy Ramalho tentará, na base da conversa, elevar o moral dos jogadores em um momento de intensa pressão.

Muricy e Dorival se conhecem há bastante tempo. Trabalharam juntos no Figueirense em 2002, quando o primeiro era o treinador e o segundo dirigente. Foi Muricy, inclusive, quem incentivou Dorival a virar técnico. A amizade entre os dois foi crucial para o acerto informal, portanto.

Eduardo Affonso destaca pedido da torcida do São Paulo em conversa com jogadores e diretores: 'Querem coragem'

Ainda não se sabe quando exatamente Muricy terá o primeiro contato presencial com elenco, comissão técnica e diretoria. O ex-treinador já disse que ajudaria o clube de coração de forma gratuita, mas sem vínculo oficial, já que está gostando da carreira de comentarista.

Com 24 pontos ganhos, o São Paulo é o 19º e penúltimo colocado a 15 rodadas para o término do Brasileiro. O próximo compromisso é o confronto com o Vitória, domingo, às 16 horas (de Brasília), no Barradão.