Ranking da ESPN com Carmelo como 64º melhor da NBA irrita jogador e cria polêmica

ESPN.com.br
Getty
Carmelo Anthony não gostou de ser o 64º em ranking da ESPN
Carmelo Anthony não gostou de ser o 64º em ranking da ESPN

A ESPN norte-americana criou uma enorme polêmica antes da próxima temporada da NBA.

Usando uma série de estatísticas e se apoiando também na opinião de um grupo de especialistas, a ESPN está divulgando um ranking com os melhores jogadores da liga. E a discussão mais acalorada aparece muito antes de se chegar às primeiras posições no ranking.

Mas especificamente, apareceu na 64ª colocação da lista, que trouxe o pesado nome de Carmelo Anthony. Atrás de jogadores como Eric Gordon, Avery Bradley, Malcom Brogdon e Robert Covington, além de Lonzo Ball, que nem estreou na NBA ainda.

As explicações giram em torno de Carmelo não conseguir ganhar jogos em Nova York – e por isso vai muito mal na estatística que considera a importância individual de um jogador nas vitórias de sua equipe - e até vem perdendo espaço dentro do próprio time, com a ascensão de Kristaps Porzingis.

LaVar Ball discute sobre Carmelo Anthony estar abaixo de seu filho em ranking: 'Ele vai piorando porque está ficando mais velho'

De qualquer forma, o ranking causou discussões acaloradas. E dentro da própria ESPN.

“Estou cansado de pessoas que se escondem atrás da marca que é a ESPN e fingem entender algo de basquete quando claramente não entendem. Não há ninguém, e eu repito, ninguém que entenda de basquete que olhe para a NBA hoje e diga que há 62 jogadores melhor que Carmelo”, disse o prestigiado comentarista Stephen A. Smith.

Outros programas da casa, como o SportsNation, também foram unânimes em discordar do ranking.

O próprio Carmelo veio a público mostrar todo seu descontentamento.

“Não pode fazer sentido, é muito sem sentido. ‘Uma certa escuridão é necessária para ver as estrelas’. ESPN, não seja tão flagrante em seu desrespeito”, postou.

Carmelo ainda ganhou o apoio de CJ McCollum, que nesta quarta foi colocado como número 31 do ranking.

“Precisamos começar a fazer um ranking desses jornalistas bundas-mole. Com descrição de suas forças, fraquezas e habilidade de inventar ‘fontes’”, postou.

Apesar de uma queda nos números, Carmelo Anthony ainda terminou a última temporada da NBA com ótimas médias de 22,4 pontos, 6,6 rebotes e 3,1 assistências por jogo.