A consagração de Alisson no gol da Roma: parou o imparável, aliado dos deuses e luvas sobrenaturais

ESPN.com.br
Getty
Alisson Becker durante o empate da Roma com o Atlético de Madri pela Champions
Alisson Becker durante o empate da Roma com o Atlético de Madri pela Champions

Finalmente, Alisson Becker conseguiu impressionar na Roma.

Após amargar a reserva de Szczesny - hoje na Juventus - durante a última temporada, o titular do gol da seleção brasileira teve uma atuação inspirada e foi um dos responsáveis pelo empate sem gols contra o Atlético de Madri, na última terça-feira, no Estádio Olímpico, pela Uefa Champions League.

As defesas de Alisson chamaram a atenção de todos, dos companheiros ao rival espanhol, passando pelas mídias espanhola e italiana.

A Gazzetta dello Sport deu nota 8,5 para a atuação do goleiro ex-Internacional, disse que ele possui "luvas sobrenaturais" e não poupou elogios. "A Roma agarrou-se às luvas de seu goleiro, Alisson, a estrela absoluta da noite", escreveu o diário. "Alisson continuou a parar o imparável e, assim, a Roma sobreviveu".

Reprodução - Twitter
Gazzetta dello Sport destaca grande atuação de Alisson pela Roma
Gazzetta dello Sport destaca grande atuação de Alisson pela Roma

O diário espanhol El País afirmou em sua manchete: "Os deuses se aliam com Alisson, e o Atlético empata com a Roma".

"Uma dezena de chances claras se encontraram com um personagem inesperado. Alisson, o goleiro brasileiro dos locais, evitou uma goleada", escreveu o jornal.

Alisson: ‘Este ano, tendo mais oportunidade no meu clube, as pessoas vão conhecer mais meu trabalho’

O meio-campista Koke, do Atlético, reconheceu a boa atuação do titular de Tite. "É certo que fizemos um grande jogo, fizemos tudo o que tinha que fazer para marcar algum gol, mas não pôde ser: o goleiro, defesas, a trave...", analisou

O técnico Diego Simeone também falou sobre Alisson: "No primeiro tempo tivemos quatro ou cinco chances claras. No segundo também tivemos outras tantas, mas seu goleiro teve uma grande atuação".

Nos vestiários, o destaque da noite em Roma aprovou sua atuação. "Não tomar gols conta muito para nós. A defesa mais difícil foi a última contra Saúl (cabeceio no chão que o goleiro defendeu)", disse.

Willian comemora vitória do Chelsea; meia do Qarabag vê participação como 'conquista'

Questionado sobre o ex-técnico Luciano Spaletti, Alisson Becker garantiu: "Eu gosto dele, esperei meu momento, mas aprendei muito também, porque Szczesny sempre foi bem. De qualquer forma, no campo, eu fiz o meu dever, eles me pagam para isso, não?"