McLaren trocará Honda por Renault em 2018, diz site

EFE
Mark Thompson/Getty Images
McLaren trocará Honda por Renault
McLaren trocará Honda por Renault

A McLaren assinou um acordo com a Honda para encerrar a parceira com a montadora e, a partir de 2018, utilizar motores da Renault, informou o site "Motorsport.com".

A falta de confiabilidade e o baixo rendimento constante dos motores da fabricante japonesa desde o retorno à Fórmula 1 em 2015 foram os motivos do fim da parceira.


Segundo o site, a McLaren chegou a um acordo com a Renault por três temporadas, até 2020, quando haverá mudanças na regras para a construção de motores.

Essa mudança pode acelerar a renovação do contrato do espanhol Fernando Alonso com a McLaren, um vínculo que acaba neste ano. Foi com a Renault que o piloto foi bicampeão mundial em 2005 e 2006.

Apesar do acordo, fontes próximas a Alonso, que durante a temporada afirmaram que o principal problema da McLaren estava nos motores da Honda, indicaram à Agência Efe que não há "nada de novo" em relação à renovação do espanhol com a equipe.