Messi pode alcançar CR7? Veja e compare o placar na disputa pela artilharia histórica da Champions

ESPN.com.br

Getty
Messi e Cristiano Ronaldo devem rivalizar novamente pela artilharia da Champions
Messi e Cristiano Ronaldo devem rivalizar novamente pela artilharia da Champions

A fase de grupos da Uefa Champions League 2017-18 começa nesta terça-feira e, além da disputa do título em si entre as principais equipes da Europa, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi já deixam nos torcedores a expectativa de uma 'nova-velha' briga acirradíssima: a artilharia do torneio.

Os dois astros são os dois principais goleadores da história da competição, sendo que o português distanciou-se recentemente com marcas individuais espetaculares -  nas últimas seis campanhas ele foi às redes pelo menos dez vezes em cada uma. O destaque fica por conta da temporada 2013-14, quando fez 17 gols, estabelecendo o recorde de tentos em uma mesma edição do torneio.

Hoje, o português soma 105 gols, contra 94 do craque argentino.


Depois de ter passado em branco em suas três primeiras Champions, sem contar a fase prévia, pela qual chegou a marcar contra o Debreceni em 2005-06, Ronaldo deixaria sua marca pela primeira vez na competição na vitória por 7 a 1 do Manchester United sobre a Roma, pelas quartas de final, em 10 de abril. Desde então, foram mais 104 gols na competição. Somando todos os compromissos por torneios europeus, incluindo a etapa anterior à de grupos na Champions, ele possui 108 tentos.

Já Lionel Messi faria seu primeiro gol na competição antes: ele balançou a rede no triunfo por 5 a 0 sobre o Panathinaikos, em 2 de novembro de 2005, pela fase de grupos. Desde então, foram mais 83 gols. A temporada mais artilheira foi a de 2011-12 com 14 gols, quando foi o artilheiro, posto que alcançou também em outras quatro ocasiões: 2008–09, 2009–10, 2010–11 e 2014–15.

Na última temporada, inclusive, o argentino dividiu a condição de goleador com ninguém menos do que Cristiano Ronaldo e com Neymar. O português conseguiu tal honraria em outras cinco oportunidades: 2007–08, 2012–13, 2013–14, 2015–16 e 2016–17. 

A última vez que nenhum dos dois esteve no topo da lista de goleadores ocorreu em 2006-07, quando Kaká, pelo Milan, terminou com dez gols.

Zidane não se aprofunda na questão política, mas diz: 'Não vejo a Liga sem o Barcelona'

A disputa é tão intensa entre os dois grandes astros de Barcelona e Real Madrid que eles até dividem uma curiosidade. Ambos têm uma vítima favorita contra a qual marcaram nove gols em seis partidas pela Champions. A de Messi é o Arsenal, e a de Ronaldo, o Bayern de Munique.

O argentino marcou quatro vezes no mesmo jogo nas quartas de final de 2009-10 contra o time inglês. Já o português, nas quartas da edição passada, deixou sua marca cinco vezes na soma dos confrontos com a equipe alemã.

A Champions começa com Messi, de 30 anos, 11 gols atrás de Ronaldo, de 32 anos. Como a disputa terminará? O próximo capítulo começa nesta terça-feira.

Em vídeo de patrocinadora, Messi surpreende no piano e toca música oficial da Champions League