Tribunal do Esporte da Espanha rejeita recurso contra suspensão de Cristiano Ronaldo

EFE

STRINGER/AFP/Getty Images
Cristiano Ronaldo tirou a camisa em comemoração de gol contra o Barcelona e levou cartão
Cristiano Ronaldo tirou a camisa em comemoração de gol contra o Barcelona e levou cartão

O Tribunal Administrativo do Esporte (TAD), órgão do governo da Espanha, rejeitou nesta terça-feira recurso do Real Madrid e manteve suspensão de cinco jogos ao atacante português Cristiano Ronaldo, devido a expulsão no clássico com o Barcelona, pela ida da Supercopa da Espanha.


O melhor jogador do mundo na atualidade pegou um jogo de gancho por ter recebido cartão vermelho na partida, que veio após segundo amarelo, ao simular um pênalti, e outros quatro, por empurrar o árbitro espanhol Ricardo de Burgos Bengoetxea.

Suspenso, Cristiano Ronaldo assiste à partida das tribunas

O Comitê de Competições da Federação Espanhola de Futebol impôs punição de cinco jogos sem poder atuar, o Comitê de Apelação da entidade manteve a decisão, e agora o TAD, órgão desportivo máximo da justiça espanhola, também confirmou a sentença.

Diante da decisão, Cristiano Ronaldo foi ao twitter para manifestar insatisfação com o resultado da apelação.

Devido o cartão vermelho recebido, Cristiano Ronaldo já não enfrentou o Barcelona, na volta da Supercopa, e, em seguida, da estreia do Real Madrid no Espanhol, contra o Deportivo La Coruña. Pela competição nacional, ainda não atuará contra Valencia, Levante e Real Sociedad.