Campeão do mundo de levantamento de peso é morto durante briga

Agência EFE

O campeão do mundo de levantamento de peso Andrey Drachev foi assassinado neste domingo em uma briga na cidade de Krabarovsk, na Rússia, informaram meios de comunicação locais.

As câmaras colocadas na rua onde aconteceu a briga gravaram o embate entre Drachev e seu oponente, a quem a imprensa de Khabarovsk identificou como Anvar Zinarov, azerbaijano de 27 anos que se dedica profissionalmente às artes marciais.


Segundo testemunhas presenciais, Drachev, de 32 anos, discutiu com Zinarov em uma cafeteria, e após isso os dois decidiram sair à rua e resolver as diferenças em uma briga.

Segundo é possível ver na gravação, apesar de ser muito menor, Zinarov derrubou seu rival e lhe deu um golpe na cabeça.

Quando Drachev tentou levantar, o azerbaijano deu outro chute em sua cabeça e depois outros quatro socos que foram fatais.

Enquanto o campeão morreu no hospital, o assassino fugiu do local dos fatos e é agora procurado pela polícia.

Drachev é o segundo esportista de elite russo que morre assassinado em uma briga nas últimas três semanas.

Em 29 de julho, aconteceu a mesma coisa com Yuri Vlasko, bicampeão europeu de luta livre na categoria juvenil, cujo corpo foi achado no lago Baikal com numerosas punhaladas no pescoço e cabeça.

Aparentemente, o jovem lutador, de 20 anos, foi assassinado em uma briga quando estava com um grupo de esportistas junto à margem do lago Baikal, na região de Buriácia, da qual era oriundo.