Thiago Maia se despede de santistas antes de ir para o Lille

Gazeta Press

FERNANDO DANTAS/Gazeta Press
Thiago Maia está indo para o futebol francês
Thiago Maia está indo para o futebol francês

Antes de embarcar para a França, onde fará exames e acertará com o Lille, Thiago Maia foi ao CT Rei Pelé nesta segunda-feira para despedir-se dos companheiros e dirigentes do Santos. O clube francês, que é comandado por Marcelo Bielsa e também levou o lateral-esquerdo Caju por empréstimo, pagará 14 milhões de euros (R$ 51 milhões) ao Peixe pelo volante, conforme já havia publicado o ESPN.com.br.

De chinelos, Maia primeiramente passou na academia e conversou com os titulares do time, que faziam treino regenerativo. Logo depois, o jovem de 20 anos foi para o gramado, onde abraçou Vanderlei, Ricardo Oliveira e os jogadores que não atuaram contra o Vasco, no último domingo.

Por fim, o volante bateu um papo com o técnico Levir Culpi, além do ídolo Clodoaldo e alguns dirigentes do clube. Na conversa, o superintendente de esportes Dagoberto dos Santos fez questão de afirmar: “Eu não queria que você fosse embora”.

Inicialmente, Thiago Maia iria para a França no último domingo. Porém, o volante fez questão de adiar a viagem para poder despedir-se dos santistas.

Além do volante, o Santos também perdeu Caju para o Lille. O time francês levará o lateral-esquerdo por empréstimo de um ano pelo valor de 500 mil euros (R$ 1,8 milhões). Porém, caso o jogador atue em mais de 14 partidas, os franceses serão obrigados a comprá-lo por 4 milhões de euros (R$ 14,6 mi).

Revelado nas categorias de base do Santos, Thiago Maia disputou 125 partidas e fez quatro gols em sua passagem pela equipe paulista. Já Caju atuou 41 vezes e não marcou com a camisa alvinegra. A dupla fez parte do time bicampeão paulista entre 2015 e 2016.