Bruno admite problema sério no São Paulo: 'A gente trabalha e a bola não entra'

Agência Gazeta Press
Bruno aponta instabilidade no São Paulo: 'É um problema muito sério'

Bruno foi uma aposta do técnico Dorival Júnior para a partida deste domingo. Substituindo o argentino Buffarini, o lateral-direito teve atuação apagada na derrota por 2 a 0 para a Chapecoense. Segundo ele, além das dificuldades impostas pelos adversários, a equipe também tem que lidar com a falta de sorte na atual temporada.

“Ficamos preocupados pela situação do time não estar ganhando. A gente trabalha, trabalha, trabalha e a bola acaba não entrando”, disse Bruno após a partida na Arena Condá.


Buffarini foi a primeira opção de Dorival em sua chegada ao time. Após o empate em 2 a 2 na estreia contra o Atlético-GO, o treinador são-paulino preferiu testar Bruno neste domingo, contra a Chapecoense. Entretanto, sua escolha pouco mudou o desempenho da equipe.

Com poucos dias para trabalhar por conta da sequência de jogos no meio da semana e também aos fins de semana pelo Brasileiro, Bruno espera, além de se firmar como titular, que o elenco possa melhorar mesmo diante do curto intervalo entre as partidas para ajustes.

Sálvio: Arbitragem errou ao não dar pênalti para o São Paulo, mas 2º gol da Chapecoense foi legal

“É um problema muito sério. Temos que trabalhar para que a gente possa crescer. A gente sabe das dificuldades que o campeonato tem, então é acertar logo para que possamos buscar essa vitória o mais rápido possível”, concluiu o lateral-direito sem se esquecer da sequência do São Paulo de nove jogos sem vitória.