Flamengo chega a acordo com Valencia e aguarda Diego Alves para exames

Marcus Alves e Vladimir Bianchini, do ESPN.com.br
Diego Alves x Cristiano Ronaldo: veja o espetacular aproveitamento do brasileiro contra o português

Flamengo e Valencia chegaram a um acordo para a transferência do goleiro Diego Alves para o rubro-negro carioca.

O atleta de 32 anos é aguardado nesta segunda-feira no Rio de Janeiro para realizar exames médicos e assinar contrato. Ele tem mantido a forma em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, ao lado de seu preparador de goleiros particular Leandro Franco, que chegou a trabalhar com Alex Muralha no Comercial-SP e também no Votoraty-SP e, a princípio, não deve acompanhá-lo no dia a dia no Ninho do Urubu.

Somente o envio da rescisão de contrato pelos espanhóis separava o anúncio da contratação, mas o acordo já foi oficializado, inclusive, pelo Valencia, em suas redes sociais.


Com a briga por um lugar na Copa do Mundo de 2018 em seu horizonte, a expectativa é de que o novo reforço chegue pronto para assumir a camisa 1.

Veja como o goleiro Diego Alves se prepara para os jogos

Em fase de reformulação, o Valencia topou liberar Diego Alves, que, por sua vez, sinalizou ao Fla que estaria disposto a reduzir o seu salário para receber entre R$ 500 mil mensais de salário mais luvas a serem diluídas ao longo do acordo.

Pessoas próximas a Diego afirmaram ao ESPN.com.br que o acerto entre ele e o clube já estava selado desde o fim da última semana.

Diego Alves fala sobre 'invasão' de torcedores do Fla em suas redes sociais: 'Me assustou um pouco'

Faltava apenas a parte do Valencia, que estudou a inclusão do atacante Felipe Vizeu, mas recuou no formato. A rádio Cadena Ser fala em 500 mil euros como compensação pela transferência.

Formando no Botafogo-SP e com passagem pelo Atlético-MG, ele ficou marcado no futebol espanhol como pegador de pênaltis. Foram 25 defendidos em 52, sendo três de Cristiano Ronaldo e outros de Lionel Messi.

Diego Alves revela o que Cristiano Ronaldo disse após pênalti defendido: 'Você sempre pega os meus!'