City oficializa contratação e transforma ‘substituto’ de Dani Alves no defensor mais caro da história

ESPN.com.br
Divulgação / City
Kyle Walker será mesmo reforço do Manchester City
Kyle Walker será mesmo reforço do Manchester City

O Manchester City iria contratar um lateral-direito de ponta sem gastar um centavo, mas acabou mesmo pagando o maior valor da história em um defensor para a posição. Nesta sexta-feira, o clube oficializou a contratação de Kyle Walker, que estava no Tottenham. Os Citizens não confirmaram o valor, mas as informações são de que a negociação foi fechada por 50 milhões de libras (R$ 207,5 milhões).

Assim, Walker iguala John Stones, do mesmo City, como o defensor mais caro. O zagueiro custou as mesmas 50 milhões de libras quando foi contratado junto ao Everton. Com a inflação, porém, Walker até supera este valor.

Na lateral, o mais caro até agora era Luke Shaw, contratado pelo United junto ao Southampton por 30 milhões de libras.

O mais curioso, porém, é que o City não gastaria nem um centavo, mas acabou ‘esnobado’ por Daniel Alves, que preferiu fechar por um salário bem maior com o PSG, deixando o técnico Pep Guardiola bastante irritado.

O City até já negociava há semanas com os Spurs para ter Walker, que também defende a seleção inglesa. No entanto, os sheiks donos da equipe não queriam pagar mais do que 40 milhões de libras (R$ 166 milhões) pelo atleta. Com a negativa de Alves, porém, a solução foi aumentar a oferta em 10 milhões de euros e fechar negócio.

Os Citizens agora seguem no mercado atrás de mais um nome para a lateral direita, já que dispensaram o argentino Pablo Zabaleta e o francês Bacary Sagna ao final da última temporada.

Walker, por sua vez, chega em baixa a Manchester. No último ano, ele ficou no banco do Tottenham em vários jogos importantes, principalmente na reta final da temporada, quando perdeu de vez a posição para Kieran Trippier.