City paga R$ 207,5 milhões e contrata substituto para Daniel Alves, que chegaria 'de graça'

Dan Kilpatrick, do ESPN FC

Matthew Ashton - AMA/Getty Images
Kyle Walker fechou com o Manchester City nesta quinta-feira
Kyle Walker fechou com o Manchester City nesta quinta-feira

O Tottenham aceitou a oferta de 50 milhões de libras (R$ 207,5 milhões) e acertou nesta quinta-feira a venda do laterla direito Kyle Walker para o Manchester City, segundo apurou o ESPN FC com fontes dos Spurs.

Walker chegará para a vaga que seria do brasileiro Daniel Alves, que chegaria de graça aos Citizens, já que havia rescindido contrato com a Juventus e finalizado um acerto verbal para jogar na Premier League.  

No entanto, o ala acabou mudando de ideia e acertou com o Paris Saint-Germain, da França, pelo dobro do salário. A decisão de Alves deixou o técnico do City, Josep Guardiola, "furioso", segundo apurou o ESPN FC.

A equipe de Manchester, no entanto, decidiu se mexer rapidamente após a decepção com Daniel e fechou com Walker, de 27 anos, nesta quinta.

O ex-Tottenham realizará exames médicos nesta sexta-feira e, assim que for aprovado, será anunciado como novo jogador do clube celeste.

O City, aliás, já negociava há semanas com os Spurs para ter Walker, que também defende a seleção inglesa. No entanto, os sheiks donos da equipe não queriam pagar mais do que 40 milhões de libras (R$ 166 milhões) pelo atleta. Com a negativa de Alves, porém, a solução foi aumentar a oferta em 10 milhões de euros e fechar negócio. 

Mal aproveitados? Rafa Oliveira analisa jovens que chegaram a City e Chelsea, mas vingaram em outros clubes

Os Citizens agora seguem no mercado atrás de mais um nome para a lateral direita, já que dispensaram o argentino Pablo Zabaleta e o francês Bacary Sagna ao final da última temporada.

Walker, por sua vez, chega em baixa a Manchester. No último ano, ele ficou no banco do Tottenham em vários jogos importantes, principalmente na reta final da temporada, quando perdeu de vez a posição para Kieran Trippier.