De comentarista a 'professor': Paulo Calçade vira treinador de time profissional por uma semana

Marcelo Gomes, especial para o ESPN.com.br
De comentarista a professor: Não perca, a partir do dia 9 de maio, a nova séria da ESPN

Era um antigo projeto, um desejo de reportagem especial dos canais ESPN: colocar um dos nossos comentaristas no papel de um treinador de um time de futebol por uma semana. E escolhido não poderia ser um comentarista melhor que Paulo Calçade, um dos mais experientes e estudiosos do esporte bretão.

Calçade é o tipo de comentarista que, além de entender de bola, foi repórter de campo, cobriu muitos jogos e treinos durante mais de 30 anos de profissão e não é “só isso” que o credencia a especialista do mundo futebolístico.

Ele é pós-graduado em Futebol e fez cursos de arbitragem e de gestão esportiva. Além disso, ministra cursos, palestras e também participou de inúmeros encontros com técnicos profissionais, com o objetivo de debater os desafios e os novos caminhos do esporte de alto rendimento no país.

  • De comentarista a “professor”

A primeira reação ao convite para virar técnico de um time que a gente ainda nem havia escolhido foi inusitada. “Como assim ?”, disse Calçade.

Mas bastou explicar a ideia do projeto, inédito e inusitado, que a pergunta virou afirmação: “Estou dentro.”

O passo seguinte era descobrir uma equipe que topasse abrir as portas, não só para o nosso comentarista, mas também para toda a nossa equipe.

Logo, o produtor e jornalista Luciano Borges veio com a sugestão de falarmos com o Brasilis Futebol Clube. O clube empresa, formador de jogadores, estaria disposto a abrir as portas e permitir com que Calçade, além de treinar o time por uma semana, ainda dirigisse a equipe na estreia no Campeonato Paulista da Quarta Divisão.

Um prato cheio para o comentarista que, durante sete dias, tirou do papel suas ideias e teorias de treinamento e as colocou em prática.

Foi uma semana convivendo com jogadores que já passaram por grandes times e que, agora, por um salário mínimo na carteira, lutam para voltar a fazer parte da grande vitrine do futebol do Brasil.

Uma experiência inédita e inesquecível que contagiou não só a nossa equipe como também o dono do time, o ex-zagueiro da Ponte Preta, São Paulo e da seleção brasileira, Oscar Bernardi.

A série tem imagens de Nelson Batista e Leandro Lemes, edição de Claudio Grillo, Alexandre Valim e Wagner Cavazin, com roteiro e reportagem de Marcelo Gomes, e irá ao ar na ESPN Brasil, em quatro episódios, com estreia no dia 9 de maio e término no dia 12.

Você não perde por esperar.