Não adianta nem um caminhão de dinheiro; veja por que técnico do Tottenham descarta assumir o Barcelona

ESPN.com.br
Getty
Mauricio Pochettino, técnico do Tottenham, durante treino
Mauricio Pochettino, técnico do Tottenham, durante treino: amor pelo Espanyol

Mauricio Pochettino é um homem de palavra.

O técnico do Tottenham está entre os cotados para substituir Luis Enrique no comando do Barcelona, mas negou outra vez qualquer chance de isso acontecer.

E o motivo é mais simples do que possa parecer: seu passado no Espanyol, o rival catalão do time blaugrana.

"Como jogador e como treinador devo muito ao Espanyol. Seria uma traição a mim mesmo treinar o Barça", afirmou o argentino em entrevista ao programa 'El Larguero' da rádio Cadena Ser.

Luis Enrique ainda lamenta primeiro jogo contra a Juventus: 'Lembrarei por muito tempo'

O ex-zagueiro atuou no Espanyol de 1994 a 2000 e depois entre 2004 e 2006, onde conquistou duas Copas do Rei e encerrou a carreira. Foi também na equipe catalã que Pochettino começou como técnico, três anos após se aposentar dos gramados.

Hoje, ele está com consolidado na Europa à frente do Tottenham, que está na vice-liderança da Premier League e na semifinal da Copa da Inglaterra.

André Linares repercute eliminação do Barcelona na Champions

Além do Barça, seu nome está ligado à seleção argentina, hoje sem treinador depois da demissão de Edgardo Bauza. Mauricio Pochettino, de 45 anos, admitiu que "todo técnico tem como sonho treinar a seleção de seu país", mas explicou que "a AFA não se colocou em contato comigo nunca".