Ex-jogador dos Patriots se mata em prisão

ESPN.com.br
Da infância dura ao suicídio na cadeia: como candidato a ídolo da NFL se perdeu na vida

Aaron Hernandez foi encontrado morto em sua cela em uma prisão nos Estados Unidos. O ex-tigh end do New England Patriots se enforcou durante a madrugada usando lençóis amarrados à janela da cela.

Segundo o Departamento de Correções de Massachusetts, ele foi encontrado pendurado à janela às 3h05 no horário local. Depois de tentativas de ressuscitação e de ser levado a uma unidade hospitalar, acabou declarado morto às 4h07.

Hernandez estava preso desde 2013. Ele foi condenado à prisão perpétua pelo assassinato de Odin Lloyod, um jogador de futebol semiprofissional que saía com a irmã da noiva de Hernandez.

Aaron Hernandez, jogador dos Patriots, é levado sob custódia acusado de homicídio

O ex-jogador dos Patriots chegou a ser inocentado na semana passada em um julgamento no qual era condenado por matar mais duas pessoas - o que acabou não mudando sua situação por conta da condenação anterior de prisão perpétua.

Em três temporadas na NFL, Hernandez teve marcas ótimas: 175 recepções, 1.956 jardas e 18 touchdowns. Ele ainda teve mais 9 corridas para outras 97 jardas.

À época, chegou a ser considerado um dos melhores jogadores da posição ao lado justamente do companheiro Rob Gronkowski.

Aaron Hernandez foi preso em 2013 acusado de assassinato; relembre a história

Ele tinha um contrato de 7 anos e quase US$ 40 milhões assinado com os Patriots.