Surfista é queimada por águas-vivas em Gold Coast e abandona disputa

Gazeta Press
Getty
Laura Enever sofreu um contratempo na Austrália
Laura Enever sofreu um contratempo na Austrália

A abertura da temporada 2017 do Mundial de Surfe teve início nesta quarta-feira e contou com um problema. Mesmo sem condições ideias, as surfistas entraram no mar para a etapa de Gold Coast, na Austrália, e mostraram serviço. A notícia triste ficou por conta da australiana Laura Enever, que foi queimada por diversas águas-vivas da espécie caravela-portuguesa e teve que abandonar a disputa.

A World Surf League, organizadora do torneio, publicou um vídeo de Enever deixando o mar (veja abaixo), mas tranquilizou os fãs, afirmando que a australiana está bem.

Por conta do alto número de águas-vivas no mar e poucas ondas, a Etapa de Gold Coast foi paralisada antes da sexta e última bateria do dia. As surfistas devem voltar à disputa na próxima quinta-feira.

Única brasileira no Mundial, Silvana Lima não teve grande desempenho nesta quarta e acabou na última colocação da quarta bateria. Agora, a brasileira disputa a repescagem.

11 etapas, 9 brasileiros e R$ 20 milhões em premiação; saiba mais sobre o Mundial de surfe

A brasileira naturalizada havaiana Tatiana Weston-Webb sobrou em sua bateria e não teve dificuldades para avançar à terceira rodada. O principal destaque do dia foi a australiana Nikki Van Dijk, que teve 8.83 como melhor nota.