AFC bate NFC em Pro Bowl surpreendentemente competitivo e com menos pontos em 17 anos

ESPN.com.br

A competitividade enfim apareceu no Jogo das Estrelas da NFL. Sempre criticado justamente por ser uma partida sem muita ‘pegada', o jogo deste domingo surpreendeu e acabou com a menor quantidade de pontos em 17 anos. No fim, com direito a uma interceptação praticamente no minuto final, a AFC levou a melhor e venceu a NFC por 20 a 13.

O destaque da partida foi Travis Kelce, nomeado como MVP ofensivo do Pro Bowl. O tie end do Kansas City Chiefs pegou três passes para 36 jardas e um touchdown (lançado por Andy Dalton, do Cincinnati Bengals) - somando agora 3 TDs nos últimos dois jogos das estrelas.

Delaine Walker, do Tennessee Titans, anotou o outro touchdown da AFC, em passe de Alex Smith, também do Kansas City Chiefs.

A NFC só teve um TD, lançado por Drew Brees para Doug Baldwin (Seattle Seahawks). O QB do New Orleans Saints agora tem oito touchdowns em Pro Bowls, a segunda melhor marca do Jogo das Estrelas, atrás apenas de Peyton Manning (15).

Julio Jones fala sobre como estuda oponentes: 'Fazer um pouco a mais'

O MVP defensivo da partida foi Lorenzo Alexander, também da AFC e do Buffalo Bills. Ele terminou com 7 tackles e uma interceptação.

Curiosamente, aliás, a partida teve o mesmo número de interceptações e de touchdowns (3 a 3). E nenhum TD do jogo terrestre, mostrando como o jogo foi mais competitivo que o normal.

Técnico dos Patriots fala sobre preparação para o Super Bowl LI

Os 33 pontos somados foram a menor marca desde 1999, quando a AFC venceu por 23 a 10, somando os mesmos 33 pontos. O último Pro Bowl com menos pontos foi o de 1993, em vitória da NFL por 17 a 3.

Brady fala em Super Bowl 'memorável' e diz: 'Não se tem essas oportunidades muitas vezes'

Vale lembrar que o duelo de conferências não acontecia desde 2012 - entre 2013 e 2015 os jogos misturaram os jogadores nos times. A vitória da AFC empatou o duelo histórico com a NFC em 22 a 22.