Palmeiras decepciona e é eliminado pelo Sport na Copinha

ESPN.com.br
Veja o gol da vitória do Sport sobre o Palmeiras por 1 a 0

Não será em 2017 que o Palmeiras vai realizar o sonho de vencer a Copa São Paulo de futebol júnior. De forma surpreendente, o time alviverde foi derrotado pelo Sport por 1 a 0, na Arena da Fonte, em Araraquara, na noite desta terça-feira, e foi eliminado na segunda fase.

O Sport, que também nunca venceu a competição paulista, vai enfrentar na terceira fase o Batatais, que eliminou a Ferroviária, nesta terça. A data e o local ainda vão ser definidos.

A equipe pernambucana já enfrentou o Batatais na primeira fase e perdeu por 3 a 2, em Cravinhos, na estreia na Copa São Paulo de futebol júnior.

Após eliminação, goleiro do Palmeiras lamenta: 'Infelizmente nosso sonho acaba cedo'

O Sport abriu o placar aos dois minutos do segundo tempo pelo atacante Wallace. Ele finalizou de primeira, dentro da área, aproveitando uma sobra de bola após cruzamento da direita e falha do atacante Bala ao tentar finalizar na primeira tentativa.

A equipe rubro-negra ainda perdeu um pênalti nos acréscimos da partida com Araçoiaba. O goleiro Daniel Fuzato defendeu a cobrança. A penalidade foi cometida por Johnny em Caio.

Wallace explica choro após gol decisivo que garantiu Sport na próxima fase da Copa São Paulo

Até ser eliminado, o Palmeiras, único entreg os grandes paulistas que jamais conquistou o torneio, venceu o Villa Nova-MG e o Paranoá-DF e empatou com a Ferroviária.

Já o Sport venceu Rio Claro e Comercial-SP após ter perdido para o Batatais.

Gazeta Press
Disputa de bola entre jogadores de Palmeiras e Sport
Disputa de bola entre jogadores de Palmeiras e Sport
  • EQUILÍBRIO

Durante os primeiros minutos do primeiro tempo, o Sport foi mais perigoso que o Palmeiras, mas passado alguns minutos e alguns sustos, a equipe alviverde dominou.

Aproveitou a posse de bola como trunfo e criou boas oportunidades para abrir o placar, muitas vezes falhando na última finalização dentro da área. Muitas vezes errando o alvo.

Os jogadores do time alviverde deixaram o primeiro tempo ressaltando a dificuldade de enfrentar o Sport, então bicampeão estadual e quinto colocado da última Copinha.

A previsão de dificuldade virou realidade com o gol anotado pelo Sport no início do segundo tempo. O jogo passou a ser de um time só, com o Palmeiras tentando de todas as formas empatar. Mas os erros de finalização prosseguiram e, pior, com o placar desfavorável a equipe deixou de trabalhar a bola, de jogar com velocidade e organização.

Por isso a sensação final foi de decepção do Palmeiras no torneio.