Já sabe o resultado? Messi não vai à Fifa para entrega do prêmio de melhor do mundo

ESPN.com.br
EFE/Juan Carlos Cardenas
Messi Barcelona Villarreal Campeonato Espanhol 08/01/2017
Messi não irá à Suíça por decisão do Barcelona

O Barcelona informou nesta segunda-feira que seus atletas não viajarão à Suíça para a entrega do prêmio "The Best", que será realizada na sede da Fifa, ainda nesta segunda, com transmissão dos canais ESPN e do WatchESPN a partir de 15h30 (de Brasília).

Com isso, Lionel Messi (que concorre com Cristiano Ronaldo e Antoine Griezmann ao prêmio de melhor do mundo), Gerard Piqué, Andrés Iniesta e Luis Suárez não irão a Zurique.

Em comunicado oficial, o Barça justificou a falta de seus jogadores citando que irá "priorizar" a partida contra o Athletic Bilbao, nesta quarta-feira, pela Copa do Rei.

No "The Best", a equipe catalã será representada por seu presidente, Josep Maria Bartomeu, e outros cartolas importantes.

Curiosamente, no ano passado, a situação foi praticamente idêntica, já que o evento de gala da Fifa foi em uma segunda e o Barcelona entrou em campo na quarta para encarar o rival Espanyol, também pela Copa do Rei. Messi, porém, foi à festa de 2016, na qual recebeu o prêmio de melhor do mundo pela 5ª vez, batendo CR7 e Neymar.

Veja como é feito o troféu do 'The Best Fifa Football Awards'

Neste ano, porém, Cristiano Ronaldo é favorito. O jornal Marca, por exemplo, já até crava o atacante do Real Madrid como vencedor da premiação da Fifa.

Na quarta-feira, contra o Bilbao, o Barça entra em campo às 18h15 (de Brasília) precisando vencer por 1 a 0 ou dois gols de diferença, já que perdeu por 2 a 1 na ida.

Confira o comunicado do Barcelona:

A fim de priorizar o jogo de quarta-feira contra o Athletic Bilbao, o FC Barcelona decidiu que os jogadores não se desloquem ao The Best Awards FIFA Gala, realizado nesta tarde, em Zurique.

Veja os gols da vitória do Athletic Bilbao sobre o Barcelona por 2 a 1 pela Copa do Rei

A delegação será liderada pelo presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, pelo vice-presidente de esportes, Jordi Mestre, pelo diretor Silvio Elias, o CEO Oscar Grau, Albert Soler (diretor de esportes profissionais), Robert Fernández (secretário da primeira equipe) e Raúl Sanllehí (diretor de futebol).

O FC Barcelona agradece à Fifa, ao presidente Gianni Infantino e toda sua diretoria executiva, por todas as facilidades que providenciou para que o clube pudesse participar do evento de gala hoje. O clube manifesta seu apreço e apoio ao prêmio da Fifa.