Exclusivo: CBF pede ao Chelsea que libere Willian para a Olimpíada

João Castelo Branco, de Londres, para o ESPN.com.br
Willian revela interesse da CBF em contar com ele na Olimpíada e sugere acordo com Chelsea

Dunga quer o meia Willian, do Chelsea, para a disputa da Olimpíada do Rio. A CBF já pediu ao clube inglês a liberação do jogador (o que pelas regras da Fifa não é obrigatório).

Destaque da seleção principal nas eliminatórias, o meia é o segundo jogador com mais de 23 anos escolhido pelo treinador para os Jogos. O primeiro é Neymar, que o Barcelona topa ceder desde que ele não jogue a Copa América, em junho. O regulamento olímpico permite apenas três jogadores acima dos 23 anos.

O pedido da CBF foi confirmado pelo próprio Willian, em entrevista aos canais ESPN neste sábado, após derrota do Chelsea por 3 a 0 para o Manchester City.

"Chegou comunicado no Chelsea que a CBF tinha interesse em me levar [para os Jogos]. Não sei se é 100% certo, mas com certeza fiquei muito feliz por esse interesse. É sempre prazeroso vestir a camisa da seleção. Disputar a Olimpíada, titulo que o Brasil não tem, ainda mais dentro do Brasil", festejou o meia, formado no Corinthians. 

Consultado, o Chelsea não quis adiantar se irá liberar ou não o jogador. A próxima temporada da Premier League deve começar no dia 13 de agosto, durante a Olimpíada. E caso seja liberado, Willian não participaria da pré-temporada com o futuro técnico do clube, o italiano Antonio Conte.

Longe da moda de Londres, gorros da mãe de Willian fazem sucesso na Europa

Willian diz que gostaria de jogar também a Copa América. "Todos sabem meu desejo de jogar os dois campeonatos. Mas claro que não quero brigar e colocar o Chelsea numa situação difícil. E também não quero brigar com a CBF.  Espero que CBF e Chelsea entrem em um acordo e me liberem", completou.

Na Olimpíada carioca, o Brasil tenta sua primeira medalha de ouro na história. Nesta semana, o time ficou conhecendo os rivais da primeira fase: África do Sul, Iraque e Dinamarca.