No 1º turno, Neymar era artilheiro do Espanhol; no 2º, perde até para Willian José

ESPN.com.br
Getty Images
O atacante Neymar durante treino do Barcelona
O atacante Neymar durante treino do Barcelona

Diante do Atlético de Madri, Neymar passou em branco pela quarta vez consecutiva pelo Barcelona, igualando a pior marca dele na atual temporada. Mas não é de agora que o atacante brasileiro vem decepcionado. Desde o final do primeiro turno do Campeonato Espanhol, o camisa 11 vem piorando seus números no time catalão.

Ao final das 19 rodadas iniciais, Neymar tinha 15 gols e estava empatado com o atacante uruguaio Luis Suárez, companheiro de Barcelona, na artilharia do Espanhol. Dificilmente o brasileiro amargava mais de duas partidas sem marcar.

Vale lembrar que boa parte do bom momento do brasileiro foi enquanto o atacante Lionel Messi ficou afastado tratando uma lesão - ele retornou no Mundial de Clubes.

Treze rodadas após o fim do primeiro turno nada menos do que nove jogadores marcaram mais vezes do que Neymar, que fez apenas seis gols desde então.

Além de ser ultrapassado por craques como Cristiano Ronaldo e Messi, há outros nomes mais modestos, como Ruben Castro, Borja Bastón e Willian José, à frente do atacante.

Willian José, ex-São Paulo e Santos, vive fase oposta. Ele passou em branco durante o primeiro turno do Espanhol, mas após a 19ª rodada marcou oito gols pelos Las Palmas.

Getty Images
Willian José (dir.), do Las Palmas, em lance com Adil Rami, do Sevilla
Willian José (dir.), do Las Palmas, em lance com Adil Rami, do Sevilla 

Desde que marcou dois gols na 21ª rodada na derrota por 3 a 2 para o Levante, Willian José não ficou mais do que duas partidas sem marcar no Espanhol: fez contra o Celta de Vigo, contra o Barcelona, contra o Getafe, contra o Real Madrid e contra o Getafe. 

Na décima colocação, o Las Palmas está longe de ter as mesmas pretensões do Barcelona. A preocupação do clube é evitar o rebaixamento, missão que Willian José vem ajudando a cumprir bem até aqui.

Já o Barcelona amargou na última semana a eliminação na Uefa Champions League após derrota para o Atlético de Madri, no Vicente Calderón. Mas a equipe ainda pode levantar duas taças ao final desta temporada. Está na final da Copa do Rei contra o Sevilla, dia 22 de maio, e lidera o Campeonato Espanhol, com 76 pontos em 32 rodadas.

Neymar pode ainda dar a volta por cima começando pelo confronto deste domingo contra o Valencia, no Camp Nou, às 15h30 (de Brasília), com transmissão exclusiva da ESPN Brasil.

CONFIRA OS ARTILHEIROS DO PRIMEIRO TURNO DO ESPANHOL

15 gols
Luis Suárez (Barcelona)
Neymar (Barcelona)

14 gols
Benzema (Real Madrid)
Cristiano Ronaldo (Real Madrid)

12 gols
Agirretxe (Real Sociedad)
Lucas Pérez (Deportivo La Coruña)
Bale (Real Madrid)

11 gols
Aduriz (Athletic Bilbao)

10 gols
Griezmann (Atlético de Madri)
Borja Bastón (Eibar)

9 gols
Messi (Barcelona)
Javi Guerra (Rayo Vallecano)
Gameiro (Sevilla)

8 gols
Rubén Castro (Betis)
Iago Aspas (Celta de Vigo)
Bakambu (Villarreal)
Nolito (Celta de Vigo)
Paco Alcácer (Valencia)

7 gols
Charles (Málaga)

6 gols
Sanabria (Sporting Gijón)

CONFIRA OS ARTILHEIROS DO SEGUNDO TURNO DO ESPANHOL

17 gols
Cristiano Ronaldo (Real Madrid)

13 gols
Messi (Barcelona)

11 gols
Luis Suárez (Barcelona)

10 gols
Griezmann (Atlético de Madri)

9 gols
Rubén Castro (Betis)

8 gols
Benzema (Real Madrid)

7 gols
Borja Bastón (Eibar)
Willian José (Las Palmas)
El Arabi (Granada)

6 gols
Neymar (Barcelona)

*Até o início da 33ª rodada