Sem recorde nem brilho de Marta, Brasil cai para Austrália nas oitavas da Copa do Mundo

ESPN.com.br

Ainda não será desta vez que o Brasil poderá soltar o grito entalado na garganta na Copa do Mundo feminina de futebol. Sem o brilho de Marta, a seleção sofreu para criar boas chances neste domingo e acabou pagando caro. Em uma falha da goleira Luciana, as brasileiras acabaram perdendo por 1 a 0 para a Austrália e acabaram eliminadas nas oitavas de final, mesmo após uma campanha perfeita na primeira fase da competição.

Marta, na verdade, não chegou a brilhar em nenhum momento da competição. A atacante, que já foi a melhor jogadora do mundo por cinco vezes, fez história logo no primeiro jogo diante da Coreia do Sul ao balançar as redes e igualar ninguém menos que Ronaldo Fenômeno como atleta do Brasil com o maior número de gols em Copas - 15 para cada.

Getty
Marta em jogo contra a Austrália
Marta em jogo contra a Austrália

O gol ainda a deixou a ponto de se tornar a maior artilheira em Mundiais, já que Miroslav Klose, o maior artilheiro masculino, tem 16 bolas nas redes. Desde então, porém, nunca mais conseguiu chegar perto do gol e acaba a competição no Canadá sem o recorde.

O único gol do duelo saiu aos 35 minutos do segundo tempo. Formiga, que, sem o brilho de Marta, foi a grande destaque do Brasil na competição, perdeu a bola no meio de campo. A Austrália puxou contra-ataque e deixou a bola com De Vanna, que finalizou. A bola parecia fácil, mas a goleira Luciana soltou ao tentar encaixar e deixou Simon na boa, apena com o trabalho de empurrar para as redes.

A Austrália agora espera a vencedora entre Japão e Holanda nas quartas de final. Já o Brasil cai na mesma fase da competição que caiu da última vez. Em 2011, a seleção foi eliminada pelos Estados Unidos nas oitavas. O melhor resultado verde-amarelo na competição foi o vice-campeonato, em 2007.