'Algoz' de Neymar, Zuñiga se defende: 'Foi uma jogada normal'

ESPN.com.br
Getty
Zuñiga minimizou o lance ríspido responsável por tirar Neymar da Copa
Zuñiga viu o lance como 'normal'

A pior notícia possível para a seleção brasileira. Neymar está fora da Copa do Mundo. Com uma fratura na terceira vértebra lombar, o camisa 10 e grande craque da equipe pentacampeã mundial não terá mais condições de disputar o torneio. Tudo por conta de uma pancada do lateral direito Zuñiga, que acertou o joelho na região da coluna do atacante.

Sem receber qualquer punição da arbitragem no lance, Zuñiga classificou o lance como 'normal', em entrevista concedida na zona mista da Arena Castelão, após a derrota por 2 a 1 dos colombianos, que garantiu o Brasil na semifinal do Mundial.

"Uma jogada normal. Nunca tive a intenção de machucar um jogador. No campo, jogo pela camisa do meu país, não sem a intenção de machucar. Estava apenas defendendo a minha camisa", discursou o lateral direito colombiano.

"A partida estava quente, o Brasil estava entrando forte, e nós também. Foi uma jogada normal. Não entrei pensando em fazer mal, só para defender o meu país. Espero que ele se recupere logo. Que não seja nada grave, pois é um talento do Brasil e do futebol mundial", concluiu.

Segundo informações do médico Rodrigo Lasmar, da seleção brasileira, Neymar precisará utilizar uma cinta para imobilizar o local, o que limita os movimentos. O atacante do Barcelona necessitará de um período de quatro a seis semanas para curar a lesão.

Sem Neymar, o Brasil terá apenas três dias para se recuperar do 'baque'. Na próxima terça-feira, no Estádio do Mineirão, a equipe terá pela frente a Alemanha, em duelo que vale vaga na final da Copa do Mundo.

Ortopedista explica lesão que tirou Neymar da Copa e indica tratamento
Publicidade