Nagl retorna ao Mundial de Motocross

José Gaspar
Honda HRC
Saudades da terra. Após meses afastado por queda nos treinos, Max Nagl retorna ao Mundial de Motocross correndo em casa
Saudades da terra. Após meses afastado por queda nos treinos, Max Nagl retorna ao Mundial de Motocross correndo em casa
Max Nagl voltará ao Mundial de Motocross neste fim de semana. Em abril, o alemão da equipe Honda HRC na categoria MXGP sofreu queda enquanto treinava. Desde então, esteve afastado do campeonato. E Nagl retornará em casa, correndo o Grande Prêmio da Alemanha, 11ª etapa da temporada, que será realizada na tradicional pista de Teutschenthal.

Segundo a equipe Honda HRC, a opção de retornar em Teutschenthal foi do próprio Nagl. E apesar do time afirmar que não tem grandes expectativas quanto a resultados, Nagl carregas três elementos a seu favor: histórico de bons resultados, conhecimento da pista e apoio dos fãs.

"Conheço a pista muito bem, e os fãs me ajudarão, com estímulo extra. O público fica realmente perto da pista em Teutschenthal, então, é possível ouvir, sentir a vibração. O que tornar ainda mais especial" descreve Nagl.

Por outro lado, Max Nagl ainda não está completamente recuperado. O piloto explicou que o processo de recuperação da mão está levando mais tem do que o esperado. Revelou ainda que sente dores, e que tal situação atrapalhou os treinos semana passada.

Teutschenthal integra o Mundial de Motocross desde 1966. O traçado de terra dura é considerado exigente e desafiador. E tamanha história se traduz em pista normalmente lotadas de fãs. Esta a expectativa para domingo: multidão nos arredores e pista em condições ideais. Graças à previsão de céu limpo e temperatura na faixa dos 20º.