Tempo Real

Inter admite discussão, mas nega briga entre jogadores no vestiário do Serra Dourada

ESPN.com.br
Gazeta Press
Inter negou briga entre os jogadores do Inter após derrota para o Goiás
Inter negou briga entre os jogadores do Inter após derrota para o Goiás
Com apenas uma vitória somada em seus últimos oito jogos, o Internacional vive um período turbulento. No domingo, após a derrota para o Goiás por 3 a 1, no Serra Dourada, foi noticiado que alguns jogadores, inclusive, teriam brigado e uma porta fora danificada. Porém, o clube se pronunciou nesta segunda-feira para negar a situação.

LEIA MAIS
Walter marca contra ex-clube, Goiás vira sobre Inter e assume 3º lugar
Inter reclama de arbitragem após derrota; D'Alessandro fala em 'ordem de cima'

Por meia de uma nota oficial, o Inter admitiu que houve uma discussão entre integrantes do clube, mas afirmou que não houve agressão entre eles ou danos ao estádio da equipe goiana. O conflito teria sido causado pela expulsão de Rafael Moura por reclamação. O elenco teria ficado dividido entre criticar e defender o atacante.

O funcionário responsável pela manutenção dos vestiários do Serra Dourada, Altair Villaverde, contou uma versão diferente em relação a do clube gaúcho em entrevista ao jornal Zero Hora. "Houve briga, sim. Agora, se foi a socos, não sei. Eles fecharam a porta e não pude ver mais nada. Quando a briga começou, alguém bateu a porta com tanta violência que a maçaneta voou longe."

No desembarque no Aeroporto Salgado Filho nesta segunda, os atletas evitaram o contato com a torcida. Eles folgarão hoje e só voltarão a treinar na terça.

Após o revés diante do Goiás, o Internacional ficou estacionado nos 45 pontos e está a quatro da zona de rebaixamento, com três rodadas a serem disputadas pelo Campeonato Brasileiro. A equipe voltará a campo no domingo, quando receberá o Coritiba, às 19h30 (de Brasília).

Veja a nota do Internacional na íntegra:

O Sport Club Internacional vem por meio de seu site oficial desmentir a notícia de alguns veículos de comunicação que dão conta de uma briga entre integrantes do Clube no vestiário do estádio Serra Dourada, após o jogo contra o Goiás, na noite de domingo.

O que houve após a partida foi uma discussão de cobrança entre jogadores, algo natural após resultados negativos, sem qualquer tipo de agressão física. Também não houve nenhum prejuízo ao patrimônio do estádio goiano.

A indignação dos jogadores é uma prova de que estão todos focados em terminar a campanha de 2013 da melhor maneira possível. Convocamos também os colorados para que compareçam ao estádio Centenário, em Caxias do Sul, no próximo domingo, para apoiar o time durante os 90 minutos na partida contra o Coritiba.

Publicidade

Siga aESPNnas redes sociais