Hernane dissecado: 31 gols em 36 toques e 21 jogos

Pedro Henrique Torre, do Rio de Janeiro (RJ), para o ESPN.com.br
Gazeta Press
Brasileiro Flamengo Hernane 'Brocador' Santos 12/09/13
Hernane tem 31 gols na temporada e é o artilheiro do futebol brasileiro no momento
Brocador, artilheiro do Brasil. E com eficiência invejável. As finalizações de Hernane, quase sempre, precisam apenas de um toque na bola para morrer no fundo da rede. Para marcar os 31 gols na temporada, o camisa 9 rubro-negro precisou dar apenas 36 toques na bola. Raramente ele resiste à tentação de chutar a bola diretamente ao gol adversário.

Em janeiro, contra o Volta Redonda, o atacante marcou o terceiro gol em 2013 e com recorde de toques em um lance só. Foram três. O primeiro para dominar a bola, de costas para o gol. O segundo para ajeitá-la no giro. E o terceiro e fatal para mandar a redonda no chute rasteiro, de perna esquerda, no canto esquerdo do goleiro. Vitória suada, aos 48 minutos do segundo tempo.

Perna esquerda, aliás, muito utilizada pelo Brocador para fazer seus gols. Foram 12 desta maneira. Mas o atacante é muito democrático. Outros 12 foram com o pé direito, incluindo o único pênalti do ano, na goleada de 4 a 1 contra o Criciúma, pelo segundo turno do Brasileiro. Na matemática da artilharia rubro-negra, Hernane ainda conta sete gols de cabeça. Os dois primeiros no ano, diante do Quissamã, foram assim. O mais recente, contra o Botafogo, também.

LEIA MAIS
Fla informa a Léo Moura que deseja renovar o contrato
Felipe sofre torção no joelho, deixa treino chorando e é dúvida no Flamengo

Fla Imagem
Hernane vibra com um dos gols diantes do Vitória, no Maracanã
Hernane vibra com um dos gols diante do Vitória, no Maracanã

No clássico da quarta-feira, inclusive, Hernane conseguiu repetir uma trinca em um só jogo. Além do Botafogo, ele já havia marcado outros três na partida de volta contra o Remo, pela Copa do Brasil. Cada um com apenas um simples toque. Para assinalar todos os tentos, Hernane jogou 46 partidas na temporada, mas nem sempre foi titular. Deste total, ele marcou em 21 delas.

E, ao que parece, o Brocador tomou gosto por marcar em clássicos. 11 dos 31 gols foram distribuídos entre Vasco, Botafogo e Fluminense. Nenhum de todos os marcados no ano aconteceu fora da área. Foram 21 dentro da grande área e dez dentro da pequena área. De conta em conta, sorriso em sorriso, de toque em toque, Hernane ultrapassou a meta de 30 gols estipulada no início da temporada. Foi artilheiro do Carioca - 12 gols - , é artilheiro da Copa do Brasil - 6 gols - e, com 13 tentos, está a dois de Ederson, artilheiro do Brasileiro. Invejável.

Hernane dissecado:

7 gols de cabeça
12 de pé direito
12 de pé esquerdo
21 na grande área
10 na pequena área
19 no primeiro tempo
12 no segundo tempo
46 jogos
10 no meio do gol
11 no canto direito
10 no canto esquerdo
1 de pênalti deste total


Jogos nos quais o Brocador marcou:

Quissamã - 2 gols - 2 toques
Volta Redonda - 1 gol - 3 toques
Vasco - 1 gol - 1 toque
Nova Iguaçu - 1 gol - 1 toque
Friburguense - 2 gols - 2 toques
Botafogo - 1 gol - 1 toque
Resende - 1 gol - 1 toque
Fluminense - 1 gol - 1 toque
Remo - 3 gols - 3 toques
Macaé - 2 gols - 4 toques (2 em cada)
Criciúma - 1 gol - 2 toques
Fluminense - 2 gols - 2 toques
Vitória - 2 gols - 2 toques
Santos - 1 gol - 1 toque
Atlético-PR - 1 gol - 1 toque
Criciúma - 2 gols - 2 toques (1 pênalti)
Vasco - 1 gol - 1 toque
Inter - 1 gol - 1 toque
Botafogo - 1 gol - 1 toque
Bahia - 1 gol - 1 toque
Botafogo - 3 gols - 3 toques