01/08/2013
17h11

Real Madrid

Com Bale, Era Galáctica do Real Madrid ultrapassa 1 bilhão de euros

Por Paulo Cobos e Thiago Arantes, do ESPN.com.br
A contratação do galês Garreth Bale torna bilionária a Era Galáctica do Real Madrid, o clube que mais gastou com contratações na história do futebol.

O jogador foi contratado junto ao Tottenham por 120 milhões de euros, na transação mais cara de todos os tempos. E, com ele, a conta dos jogadores que chegaram ao clube madrileno sob o comando do presidente Florentino Perez - o homem que criou o time dos galácticos - ultrapassa a marca de 1 bilhão de euros (R$ 3 bilhões em valores atuais).

Getty
Kaká e Cristiano Ronaldo: os dois mais caros da segunda Era Galáctica, até Bale
Kaká e Cristiano Ronaldo: os dois mais caros da segunda Era Galáctica, até Bale


Só na atual temporada, o Real Madrid gastou 192,5 milhões de euros (cerca de R$ 580 milhões) em jogadores. Além de Bale, o clube contratou Illarramendi, da Real Sociedad, e Isco, do Málaga, por 30 milhões de euros cada; Carvajal, do Bayer Leverkusen, voltou ao time por 6,5 milhões, e Casemiro custou 6 milhões de euros.

A contratação de Bale é a mais cara da história, e coloca o Real Madrid ainda com maior destaque na lista dos mais caros de todos os tempos. Antes, o privilégio de ser o atleta mais valioso de todos os tempos pertencia a Cristiano Ronaldo, comprado ao Manchester United por 94 milhões de euros, em 2009. Antes, o mérito era de Zidane, comprado em 2001 por 73,5 milhões. Kakã, que custou 65 milhões de euros em 2009, é agora o quinto mais caro de todos os tempos.

Florentino Perez, o presidente dos Galácticos, comanda o Real Madrid desde 2009, em seu segundo mandato. No primeiro, entre 2000 e 2006, ele montou um time que tinha muitas estrelas - entre elas Zidane, Figo, Beckham e Ronaldo. Na segunda passagem, o dirigente logo retomou a política de grandes contratações, com Cristiano Ronaldo, Kaká, ambos contratados no primeiro mês de sua nova administração.

Veja abaixo os contratados do Real de Florentino, o homem dos galácticos (em milhões de euros):

2000-01
Luis Figo, 60 milhões
Flavio Conceição, 25 milhões
Claude Makelelé, 14 milhões
Pedro Munitis, 10,5 milhões
César Sánchez, 6,25 milhões
Santiago Solari, 3,5 milhões

Getty
Zidane e o gol antológio da final da Champions 2001-02
Zidane e o gol antológio da final da Champions 2001-02

2001-02
Zinedine Zidane, 73,5 milhões

2002-03
Ronaldo, 45 milhões

2003-04
David Beckham, 37,5 milhões

2004-05
Walter Samuel, 23 milhões
Johathan Woodgate, 18,3 milhões
Michael Owen, 12 milhões
Thomas Gravesen, 3,4 milhões

Getty
Beckham foi um dos galácticos da primeira gestão
Beckham foi um dos galácticos da primeira gestão

2005-06
Sergio Ramos, 27 milhões
Robinho, 24 milhões
Júlio Baptista, 20 milhões
Antonio Cassano, 5,5 milhões
Carlos Diogo, 5 milhões
Cicinho, 4 milhões
Pablo García, 4 milhões

2009-10
Cristiano Ronaldo, 94 milhões
Kaká, 65 milhões
Xabi Alonso, 35,4 milhões
Karim Benzema, 35 milhões
Raúl Albiol, 15 milhões
Álvaro Negredo, 5 milhões
Álvaro Arbeloa, 4 milhões
Esteban Granero, 4 milhões

2010-11
Ángel di Maria, 33 milhões
Mesut Ozil, 18 milhões
Sami Khedira, 14 milhões
Pedro León, 10 milhões
Ricardo Carvalho, 8 milhões
Sergio Canales, 6 milhões
Emmanuel Adebayor, 4 milhões

2011-12
Fábio Coentrão, 30 milhões
Nuri Sahin, 10 milhões
Raphael Varane, 10 milhões
José María Callejón, 5 milhões

2012-13
Luka Modric, 30 milhões
Diego López, 3,5 milhões

2013-14
Garreth Bale, 120 milhões
Isco, 30 milhões
Asier Illarramendi, 30 milhões
Daniel Carvajal, 6,5 milhões
Casemiro, 6 milhões

TOTAL DE GASTOS: 1,052 bilhão de euros (R$ 3,1 bilhões de reais)

Avalie essa notícia
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5