'É uma invenção absoluta', diz chefe da delegação italiana sobre possível abandono da Copa das Confederações

ESPN.com.br
Getty
Albertini negou que Itália vá abandonar a competição
Albertini negou que Itália vá abandonar a competição
A Itália negou nesta sexta-feira que irá abandonar a Copa das Confederações. De acordo com o vice-presidente da Federação Italiana, o ex-jogador Demetrio Albertini, a especulação não passa de uma 'invenção'.

"Não chegamos nem sequer a considerar a hipótese de nos retirar da Copa das Confederações. Isso é uma invenção absoluta. Estamos tristes pelo que está acontecendo, mas a nossa segurança está garantida com grande profissionalismo e nós estamos tranquilos", disse o dirigente, que é também o chefe da delegação azurra no torneio, em entrevista publicada no site da federação italiana.

LEIA MAIS
Bom menino, Neymar massacra amigo 'bad boy' Balotelli na popularidade e nos milhões

Na última quinta-feira, o comentarista dos canais ESPN, Juca Kfouri, informou que uma delegação que participa do evento-teste para a Copa do Mundo cogitava abandonar a competição. O motivo seria o temor em relação à segurança dos familiares dos atletas. A informação foi passada por um funcionário do alto escalão do governo federal.

O mesmo membro do governo ainda informou que a Fifa estaria cogitando a suspensão do torneio por causa dos problemas de segurança. Porém, nesta sexta, a entidade, em comunicado, negou que pretenda cancelar o evento.

Apenas na última quinta-feira, foram 1 milhão de manifestantes nas ruas, espalhados por 80 cidades. No Rio de Janeiro, Brasília e Salvador, sedes da Copa, foram registrados confrontos com a polícia, que utilizou bombas e gás para dispersar os protestos.

Nas ruas, a insatisfação é crescente também contra os eventos esportivos no Brasil, com os bilhões gastos em estádios para a Copa. "Queremos hospitais e escolas no padrão Fifa" tem se tornado uma frase comum em cartazes nos protestos.

Fifa pode processar o Brasil se a Copa das Confederações precisar ser suspensa; Juca Kfouri explica