Klever Kolberg

Klever Kolberg

Engenheiro e piloto, conhecido por representar o Brasil no Rali Dacar, é o comentarista da modalidade nos canais ESPN

Rally Dakar 2017 - 12ª e última etapa: Russos são campeões nos caminhões e quadris

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro, palestrante e comentarista da ESPN
Divulgação - Marcelo Maragni
Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Vladimir Rybakov (Kamaz)
Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Vladimir Rybakov (Kamaz)

O trio formado pelos russos Eduard Nikolaev, Evgeny Yakovlev e Vladimir Rybakov (Kamaz 4326) conquistou o título do Rally Dakar 2017 na categoria Caminhões. Seus companheiros de equipe e conterrâneos, Dmitry Sotnikov, Igor Leonov e Ruslan Akhmadeev ficaram com a segunda colocação. O pódio da categoria foi completado pelo trio formado pelo holandês Gerard De Rooy, o espanhol Moises Torrallardona e o polonês Darek Rodewald (Iveco Powerstar).

Com o resultado Nikolaev conquista o bicampeonato do Dakar, ele foi o vencedor em 2013. Em títulos ele se iguala a De Rooy que também já venceu duas vezes, em 2012 e 2016. Mas quando se fala de marcas, a Kamaz chegou a sua 14ª vitória, passando a ser a segunda marca, em todas as categorias, com mais sucessos. Só perde para a KTM que este ano conquistou seu 16º título.

Divulgação
Sergey Karyakin (Yamaha Raptor 700)
Sergey Karyakin (Yamaha Raptor 700)

Com tantas vitórias na categoria Caminhões no currículo, não foi uma novidade a vitória russa nos pesos pesados. Mas na categoria Quadriciclos foi seu primeiro sucesso. Sergey Karyakin (Yamaha Raptor 700) venceu a 39ª edição do Dakar, e desculpem o trocadilho, com um caminhão de tempo para o segundo colocado, o chileno Ignácio Casale (Yamaha Raptor 700). A vantagem foi de mais de uma hora. O argentino Pablo Copetti (Yamaha Raptor 700) completou o pódio da categoria, totalmente dominado pelos quadris da Yamaha.

Caminhões
1 - Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Vladimir Rybakov (Kamaz): 27:58:24
2 - Dmitry Sotnikov/Igor Leonov/Ruslan Akhmadeev (Kamaz): + 00:18:58
3 - Gerard De Rooy/Moises Torrallardona/Darek Rodewald (Iveco): + 00:41:19
4 - Federico Villagra/Arturo Yacopini/Ricardo Torlaschi (Iveco): + 01:00:04
5 - Airat Mardeev/Aydar Belyaev/Dmitry Svistunov (Kamaz): + 02:26:50

Quadriciclos
1 - Sergey Karyakin (Yamaha Raptor 700): 39:18:52
2 - Ignácio Casale (Yamaha Raptor 700): + 01:14:51
3 - Pablo Copetti (Yamaha Raptor 700): + 04:20:19
4 - Rafal Sonik (Yamaha Raptor 700): + 05:33:29
5 - Axel Dutrie (Yamaha YFZR 450): + 05:45:24

 

Rally Dakar 2017 - UTVs - 12ª e última etapa: Leandro Torres e Lourival Roldan são campeões

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro, palestrante e comentarista da ESPN
Divulgação - Marcelo Machado Melo
Leandro Torres / Lourival Roldan (Polaris)
Leandro Torres / Lourival Roldan (Polaris)

A dupla Leandro Torres e Lourival Roldan (Polaris) foi campeão na categoria UTVs do Rally Dakar 2017. O título foi confirmado neste sábado, dia 14/01, com a disputa da 12ª e última etapa entre as cidades de Rio Cuarto e Buenos Aires, na Argentina.

Eles se tornaram os primeiros brasileiros a vencer na categoria UTV na história do Dakar. A dupla assumiu a liderança da prova na quinta etapa (dia 6) e se manteve na ponta até o fim. Os brasileiros completaram os quase 9.000 quilômetros de disputa em 54h01min50 (tempo extra-oficial), com mais de quatro horas de vantagem para os segundos colocados, os chineses Wang Fujiang e Li Wei (Polaris).

O piloto Leandro Torres, 45 anos, é carioca, radicado em São Paulo, e disputou o Dakar pela segunda vez. Em 2016, também tendo Lourival Roldan, 58, como navegador, ficou na terceira colocação. Lourival é paulista e participou do Dakar pela 10ª vez. Sua experiência foi um dos fatores fundamentais para a conquista.

As vitórias brasileiras no Rally Dakar:
1991 - André Azevedo - Campeão da categoria Motos Maratona em 1991
1993 - Klever Kolberg - Campeão da categoria Motos Maratona em 1991
1997 - Jean Azevedo - Campeão da categoria Motos Production
2001 - Juca Bala - Campeão da categoria Motos Super Production 400cc
2002 - Luiz Mingione - Campeão da categoria Motos Super Production 250cc

Classificação final após 12 etapas - UTVs (Extra-oficial)

1° - Leandro Torres / Lourival Roldan (Polaris) 54h01min50
2º - Wang Fujiang / Li Wei (Polaris) + 4h42in34
3º - Maganov Ravil / Kiril Shubin (Polaris) + 6h05min35
4º - Mao Ruijin / Sebastien Delaunay (Polaris) + 23h30min07

 

Rally Dakar 2017 - Carros - 12ª e última etapa: Stéphane Peterhansel conquista 13º título

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro, palestrante e comentarista da ESPN
Divulgação - Flavien Duhamel
Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR)
Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR)

A dupla dos franceses Stéphane Peterhansel e Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR) venceu o Rally Dakar 2017. Após uma acirrada disputa com seus companheiros de equipe, a dupla do francês Sébastien Loeb e o monegasco Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR), Peterhansel e Cottret confirmaram a vitória com a segunda colocação na 12ª e última etapa, disputada neste sábado, dia 14/01, entre as cidades de Rio Cuarto e Buenos Aires, na Argentina.

Esta é a 13ª vitória de Peterhansel, a sétima em quatro rodas além das seis que tinha nas motos. Também é a sexta vitória da Peugeot, a segunda consecutiva após os sucessos de 97, 98, 99 e 2000.

Divulgação - Flavien Duhamel
Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR)
Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR)

Loeb, nove vezes campeão do WRC, foi o mais rápido nesta última etapa, mas a diferença para Peterhansel foi de apenas 19 segundos, o que não foi suficiente para Loeb conquistar seu primeiro sucesso no Dakar. Mas é inegável que o piloto evoluiu muito em relação a sua estreia em 2016 e ele também foi o piloto que mais etapas venceu na categoria carros desta 39ª edição da prova, foram seis vitórias em 10 etapas disputadas, sendo que outras duas foram canceladas.

Divulgação - Flavien Duhamel
Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR)
Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR)

A fábrica francesa também comemorou o pódio exclusivo com a terceira colocação da dupla Cyril Despres / David Castera.

A dupla brasileira Sylvio de Barros Netto e Rafael Capoani (Mini All4 Racing) ficou com a 180ª posição.

Divulgação - Gustavo Epifânio
Sylvio de Barros Netto e Rafael Capoani (Mini All4 Racing)
Sylvio de Barros Netto e Rafael Capoani (Mini All4 Racing)

Classificação final após a 12ª etapa (extraoficial):

1 - Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR): 28:49:30
2 - Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR): + 00:05:13
3 - Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR): + 00:33:28
4 - Nani Roma / Alex Haro Bravo (Toyota Hilux V8): + 01:16:43
5 - Giniel de Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux V8): + 01:49:48

18 - Sylvio de Barros Netto / Rafael Capoani (Mini All4 Racing): + 08:13:47

 

Rally Dakar 2017 - Motos - 12ª e última etapa Motos: San Sunderland é campeão

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro, palestrante e comentarista da ESPN
Divulgação
San Sunderland (KTM 450 Rally Replica)
San Sunderland (KTM 450 Rally Replica)

O britânico San Sunderland (KTM 450 Rally Replica) conquistou seu primeiro título no Rally Dakar. A última etapa foi disputada neste sábado, dia 14/01, entre as cidades de Rio Cuarto e Buenos Aires, na Argentina. Sunderland foi o sexto colocado do dia, resultado que lhe garantiu com folga e vitória no Rally Dakar 2017.

Divulgação - Marcelo Maragni
Matthias Walkner (KTM 450 Rally Replica)
Matthias Walkner (KTM 450 Rally Replica)

O austríaco Matthias Walkner, companheiro de equipe de Sunderland, ficou com o vice-campeonato da prova, seu melhor resultado numa participação do Dakar.

Divulgação
Gerard Farres Guell (KTM 450 Rally Replica)
Gerard Farres Guell (KTM 450 Rally Replica)

O terceiro degrau do pódio foi conquistado pelo o espanhol Gerard Farres Guell (KTM 450 Rally Replica) num emocionante duelo final com o francês Adrien Van Beveren (Yamaha WR 450 F). Van Beveren se aproximou muito de Farres Guell após o excelente desempenho na etapa anterior. Os dois largaram com apenas 48 segundos de diferença na classificação acumulada após 11 etapas. Portando os dois pilotos tiveram de atacar ao máximo nos 64 km da última especial disputada neste sábado. O resultado foi incrível, eles completaram o percurso com o mesmo tempo, havendo um empate na primeira colocação da etapa, o que garantiu a Farres Guell a terceira colocação na classificação acumulada após 12 etapas.

O resultado também é um novo recorde de vitórias para a fábrica austríaca de motocicletas. A KTM conquistou seu 16º sucesso consecutivo no Dakar, além do pódio exclusivo nesta edição.

Divulgação
Richard Fliter (Honda CRFX 450)
Richard Fliter (Honda CRFX 450)

Richard Fliter (Honda CRFX 450), único brasileiro a concluir a 39 edição do Dakar, ficou com a 59ª colocação.

Classificação Final após a 12ª etapa (extraoficial):

1 - San Sunderland (KTM 450 Rally Replica): 32:06:22
2 - Matthias Walkner (KTM 450 Rally Replica): + 00:32:00
3 - Gerard Farres Guell (KTM 450 Rally Replica): + 00:35:40
4 - Adrien Van Beveren (Yamaha WR 450 F): + 00:36:28
5 - Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally): + 00:43:08

59 - Richard Fliter (Honda CRFX 450): + 12:55:16

 

Rally Dakar 2017 - Carros - 11ª etapa: Loeb vence, mas Peterhansel manteve a liderança

Klever Kolberg: Piloto, engenheiro, palestrante e comentarista da ESPN
Divulgação - Flavien Duhamel
Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR)
Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR)

A 11ª e penúltima etapa da categoria Carros, disputada nesta sexta-feira, dia 13/01, na Argentina, entre as cidades de San Juan e Rio Cuarto, foi marcada pelo um duelo de recordistas do automobilismo mundial. A vitória do dia ficou com a dupla do francês Sébastien Loeb e o monegasco Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR). Eles conquistaram seu quarto sucesso nesta 38ª edição do Rally Dakar.

Divulgação - Flavien Duhamel
Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR)
Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR)

Mas o principal prêmio em jogo é a vitória no Dakar, resultado que será conhecido neste sábado. Com a segunda colocação na etapa, a dupla dos franceses Stéphane Peterhansel e Jean-Paul Cottret manteve a liderança na classificação acumulada após 11 etapas. O resultado deixa Peterhansel muito próximo de conquistar sua 13ª vitória no Dakar.

A etapa teve um total de 754 km, sendo 288 km de trechos cronometrados disputados metro a metro entre o nove vezes campeão do WRC e o 12 vezes campeão do Dakar. Como a próxima especial terá apenas 64 km, Loeb partiu para cima, e na primeira parte da especial chegou a descontar mais de três minutos da vantagem que Peterhansel tinha na classificação acumulada até a largada desta manhã. Na segunda parte Peterhansel conseguiu responder às ameaças do vizinho e companheiro de equipe.

Divulgação - Flavien Duhamel
Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR)
Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR)

Enquanto os dois protagonizavam o principal duelo do dia, as duplas dos franceses Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR), do argentino Orlando Terranova e o alemão Andreas Schulz (MINI John Cooper Works Rally), e do sul-africano Giniel de Villiers e o alemão Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux V8) e o saudita Yazeed Al-Rajhi com o alemão Timo Gottschalk (MINI John Cooper Works Rally): disputavam a terceira colocação no pódio do dia. Na briga palmo a palmo, jogando em casa Terranova levou a melhor.

Classificação da 11ª etapa (extraoficial):

1 - Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR): 03:21:15
2 - Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR): + 00:00:18
3 - Orlando Terranova / Andreas Schulz (MINI John Cooper Works Rally): + 00:06:37
4 - Giniel de Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux V8): + 00:07:01
5 - Yazeed Al-Rajhi / Timo Gottschalk (MINI John Cooper Works Rally): + 00:07:25

Classificação Geral após a 11ª etapa (extraoficial):

1 - Stéphane Peterhansel / Jean-Paul Cottret (Peugeot 3008 DKR): 28:20:16
2 - Sébastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot 3008 DKR): + 00:05:32
3 - Cyril Despres / David Castera (Peugeot 3008 DKR): + 00:32:54

A 12ª e última etapa será disputada neste sábado, dia 14/01, entre as cidades de Rio Cuarto e Buenos Aires, na Argentina, com um total de 786 km a serem percorridos. A especial será a mesma para carros, motos, caminhões, quadriciclos e UTVs, com apenas 64 km.

 

mais postsLoading

Siga aESPNnas redes sociais